sábado, 12 de maio de 2012

E, se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos habita em vocês, aquele que ressuscitou a Cristo dentre os mortos também dará vida a seus corpos mortais, por meio do seu Espírito, que habita em vocês. Rm 8:11.

image

Ontem quando contei a minha experiência relacionada a orientação recebida do Espirito Santo de Deus sobre a compra da bíblia de estudo. Citei o fato de ter ouvido a pergunta: O que é uma bíblia de estudo. Para que não fiquem confusos ou relacione a outro tipo de “experiências” com espíritos difundidos por ai, fica de bom proposito utilizar este versículo para desfazer qualquer confusão, pois no caso: Não há nenhuma semelhança e nem coincidência com relação ao Espirito Santo de Deus e outras manifestações ditas como sendo de espíritos, ainda que sejam! Mas não de Deus.

Primeiro que fica muito bem explicado pelo Apostolo Paulo que diferentemente de pessoas que alegam receberem “ocasionalmente” a visita de espíritos; nós como cristãos seguidores de Cristo, temos o Espirito de Deus habitando em nós: Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? 1 Co 6:19. Pois uma vez tendo aceitado a Jesus Cristo somos selados pelo Espirito Santo o qual nos proporciona a vida que há em Cristo: Ou seja! A Vida eterna que há de vim. O qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações. 2 Co 1:22. O que reforça o que postei ontem em relação a não ter que agradar a homens e sim a Deus. Portanto, irmãos, estamos em dívida, não para com a carne, para vivermos sujeitos a ela. Rm 8:12.

Apesar de estarmos no mundo na forma corpórea que recebemos através do nascimento carnal, somos seres essencialmente espirituais e uma vez tendo aceitado a Cristo isto se torna evidente na nossa comunhão com Seu Espirito, o que torna possível sermos orientados quanto ao que devemos ou não fazer: Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito fizerem morrer os atos do corpo, viverão, porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. Rm 8:13,14.

Sobre esta passagem tenho que fazer uma observação muito pertinente, devido ao claro fato de muitos desconhecerem a importância que devem ter de distinguir o Espirito Santo de Deus de qualquer outro espirito que se apresente; e que esta distinção é o que faz a total diferença na vida espiritual de uma pessoa, pois, somente quem recebe o Espirito Santo de Deus é que pode ser chamando de Filhos: Pois vocês não receberam um espírito que os escravize para novamente temer, mas receberam o Espírito que os adota como filhos, por meio do qual clamamos: "Aba, Pai". O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus. Rm 8:15,16. Explicação dada. Quero salientar que não faço estas observações com nenhum sentimento arrogante de minha parte, como me achando alguém especial por isso. Porém, é necessário que fique claramente explicado o porquê de nada adiantar que se creia em outros espíritos no que tange a agradar ao verdadeiro Deus da Bíblia.

Eu entendo que muitos sejam ainda enganados por esses falsos espíritos, uma vez que já declarei que fui um desses enganados. Mas graças à misericórdia de Deus que me levou ao Seu Filho Jesus Cristo hoje pode dizer que não há nada que se compare a ser chamado de Filho de Deus. Enquanto quem serve a outros espíritos recebem a acunha de cavalo! Pense nisso, pois só este tratamento já seria motivo para que refletissem sobre qual espirito devem crer. Quanto a quem aceita Cristo e o selo do Seu Espirito Santo e passa a ser Filho de Deus, é dado também o direito de participarmos com Ele de tudo que de Deus receberemos: Se somos filhos, então somos herdeiros; herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo, se de fato participamos dos seus sofrimentos, para que também participemos da sua glória. Considero que os nossos sofrimentos atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será revelada. Rm 8:17,18.

Quando dou ao conhecimento do que a bíblia diz em relação as muitas escolhas erradas que os homens fazem achando estarem no caminho de Deus. Faço com o firme propósito de que pela misericórdia de Deus muitas pessoas assim como eu fui, possa ser alcançada e venha a desfrutar da mesma condição de Filhos. - A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados. Rm 8:19.

Deus é amor! E por tanto nos amar enviou o Seu Filho para poder nos resgatar de todos os enganos cometidos pela ignorância espiritual: Pois ela foi submetida à futilidade, não pela sua própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança de que a própria natureza criada será libertada da escravidão da decadência em que se encontra para a gloriosa liberdade dos filhos de Deus. Sabemos que toda a natureza criada geme até agora, como em dores de parto. Rm 8:20,22.

Isso mesmo meus queridos (as), grande parte dos sofrimentos que assolam a humanidade é fruto da escravidão aos desejos carnais que cada vez mais tem pervertido os retos caminhos traçados pelo Nosso Criador. Vou deixar que vocês mesmos refletissem lendo com atenção os demais versículos abaixo. Orando e desejando que o entendimento que só o Espirito Santo de Deus poderá lhes conceder brote em seus corações.

E não só isso, mas nós mesmos, que temos os primeiros frutos do Espírito, gememos interiormente, esperando ansiosamente nossa adoção como filhos, a redenção do nosso corpo.
Pois nessa esperança fomos salvos. Mas, esperança que se vê não é esperança. Quem espera por aquilo que está vendo?
Mas se esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente.
Da mesma forma o Espírito nos ajuda em nossa fraqueza, pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis.
E aquele que sonda os corações conhece a intenção do Espírito, porque o Espírito intercede pelos santos de acordo com a vontade de Deus.
Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito.
Pois aqueles que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.
E aos que predestinou, também chamou; aos que chamou, também justificou; aos que justificou, também glorificou.
Que diremos, pois, diante dessas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós?
Aquele que não poupou a seu próprio Filho, mas o entregou por todos nós, como não nos dará juntamente com ele, e de graça, todas as coisas?
Quem fará alguma acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.
Quem os condenará? Foi Cristo Jesus que morreu; e mais, que ressuscitou e está à direita de Deus, e também intercede por nós.
Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada?
Como está escrito: "Por amor de ti enfrentamos a morte todos os dias; somos considerados como ovelhas destinadas ao matadouro".
Mas, em todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.
Pois estou convencido de que nem morte nem vida, nem anjos nem demônios, nem o presente nem o futuro, nem quaisquer poderes,
nem altura nem profundidade, nem qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do amor de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor. Rm 8:23-39

O que dizer diante de tamanha revelação do significado e importância de uma vida com Jesus Cristo? Desejem… Almejem… Queiram ser participantes dessa esperança. Eu lhes garanto meus queridos (as) não há nada neste mundo que se compare a Paz que Jesus Cristo ira te dar.

Amém.

image

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Por acaso eu procuro a aprovação das pessoas? Não! O que eu quero é a aprovação de Deus. Será que agora estou querendo agradar as pessoas? Se estivesse, eu não seria servo de Cristo. Gl 1:10.

image

Não raramente alguma pessoa se encontra diante da necessidade de ser aprovada por alguém! Seja pelos, mais diversos motivos, a verdade é que as pessoas que tem esta necessidade, geralmente estão tentando agradar para receber algo ou simplesmente ser visto como uma pessoa especial. O apostolo Paulo, porém considerava a aprovação dos homens como algo desnecessário na vida dele e consequentemente de um verdadeiro cristão servo de Cristo.

Paulo quando escreveu estas palavras para os cristãos da Galácia, estava surpreso e decepcionado com eles, pois, muitos dos que se diziam cristãos tentando agradar também aos opositores da palavra, estavam ouvindo e aceitando ensinos opostos ao verdadeiro evangelho de Jesus Cristo:

Estou muito admirado com vocês, pois estão abandonando tão depressa aquele que os chamou por meio da graça de Cristo e estão aceitando outro evangelho. Na verdade não existe outro evangelho, porém eu falo assim porque há algumas pessoas que estão perturbando vocês, querendo mudar o evangelho de Cristo. Gl 1:6,7. Sempre houve e ainda continuará existindo pessoas que se dedicam a deturpar a sã doutrina de Deus e os ensinamentos do evangelho de Cristo com todo tipo de argumentações e interpretações de homens capciosos = Que tem argúcia para iludir; caviloso. 2. Manhoso, ardiloso. 3. Insinuante, envolvente. Estes adjetivos comuns a estas pessoas são astutamente explorado pelos inimigos da verdade que Jesus Cristo e o Espirito Santo até hoje ensina; para desvia-las do verdadeiro e único caminho até Deus que vem a ser somente por Jesus Cristo.

O apostolo Paulo pelo seu próprio passado de perseguidor dos cristãos, após ter conhecido a verdade diretamente de Jesus: Eu, Paulo, escrevo esta carta—eu que fui chamado para ser apóstolo, não por pessoas ou por meio de uma pessoa, mas por Jesus Cristo e por Deus, o Pai, que ressuscitou Jesus da morte. Gl 1:1. Tornou-se o mais fervoroso defensor dessa verdade, a ponto de em certas ocasiões perder a paciência com este tipo de tentativa de fraudar o evangelho, não aceitando sequer ser ele próprio visto como alguém com condições de ensinar algo que não fosse exatamente o que tinha aprendido com Jesus: Mas, se alguém, mesmo que sejamos nós ou um anjo do céu, anunciar a vocês um evangelho diferente daquele que temos anunciado que seja amaldiçoado! Gl 1:8. O que por sinal estava tendo que dizer novamente pela notória e peculiar desobediência das pessoas: Pois já dissemos antes e repetimos: se alguém anunciar um evangelho diferente daquele que vocês aceitaram, que essa pessoa seja amaldiçoada! Gl 1:9.

Cada vez que leio a bíblia e principalmente o Novo Testamento, que narra à vida de Jesus e nos dá conhecimento daquilo que Ele mesmo pregava ensinava; e que deseja que assim sejamos e façamos de acordo como Ele disse: — Quanto a estes pequeninos que creem em mim, se alguém for culpado de um deles me abandonar, seria melhor para essa pessoa que ela fosse jogada no lugar mais fundo do mar, com uma pedra grande amarrada no pescoço. Mt 18:6. Fico mas consciente de que não há mesmo porque nos reportarmos a homens quando a intenção for sinceramente a de agradar Deus! Vejamos como não estou sendo radical ao afirmar isso:

Portanto, qualquer um que desobedecer ao menor mandamento e ensinar os outros a fazerem o mesmo será considerado o menor no Reino do Céu. Por outro lado, quem obedecer à Lei e ensinar os outros a fazerem o mesmo será considerado grande no Reino do Céu. 'Mt 5:19. Salvo raríssimas exceções, os homens que dizem serem estudiosos e conhecedores da palavra de Deus; sejam de que religiões se considerem ou até mesmo os que dizem serem crentes; estão eventualmente ensinando “doutrinas” baseadas naquilo que eles acham conveniente, mesmo que não esteja de acordo com que a palavra diz.

Jesus lhes disse: — Venham comigo, que eu ensinarei vocês a pescar gente. Mc 1:17. Isso significa que: Somente Ele é que sabia como se devia pregar a verdadeira doutrina do Pai. Usou a expressão pescar gente, porque os seus primeiros discípulos eram pescadores de profissão, e Jesus sempre simplificava os seus ensinamentos. Mas o que vemos hoje é inúmeras versões da palavra de Deus escritas por homens, acrescida de comentários, conclusões definições e até correções daquilo que eles acham que de fato Jesus estava ensinando. Sem falar em determinadas orientações por pregações baseadas na vida pessoal.

Vou aproveitar para contar o que ocorreu comigo no ano de 2011 e vocês vão ver como tudo isso é inútil. No que tange a despertar ou firmar alguém na Fé em Deus se não for pela sua própria palavra.

Em meados de agosto para setembro, comecei achar que devia adquiri uma dessas bíblias chamadas de: Bíblia de Estudo. Comentada, com referências, dicionários em Hebraico Greco etc. Achando eu,que, assim iria melhorar as minhas postagens, uma vez que teria mais conhecimento. Certo? Errado! Era o que eu pensava também!

Então comecei a pesquisar em diversos sites de editoras cristãs, achei então uma dessas bíblias que só faltava falar! Tinha tudo que eu achava que precisava. Então não pensei 02 vezes e fui logo para o cadastro de compra e tome a preencher meus dados, escolher a forma de pagamento e finalmente concluir a compra. Ai meus queridos (as)! Aconteceu o que eu não esperava; afinal eu tinha certeza que precisava aprender mais e a minhas intenções era das mais nobres possíveis. Entretanto, quando estava para clicar no ícone de concluir a compra. Uma voz que somente quem crer consegue ouvi, ressoou em meu interior nitidamente com a seguinte pergunta: O que é uma Bíblia de Estudo?

Eu confesso que não entendi bem da primeira vez, mas então se repetiu a pergunta: O que é uma Bíblia de Estudo? Eu parei o movimento de clicar na finalização da compra e me perguntei: O que é uma bíblia de estudo? Bem… é... Acho… que…! E finalmente cheguei a seguinte conclusão: Ora uma bíblia de estudo, é apenas uma bíblia na qual uma pessoa que diz ter se dedicado a estudar a Bíblia original, comparando as traduções, do Grego, Latim, Aramaico, Judaico etc. chegou a conclusão que aquilo é isso… e isso é aquilo e colocou todos estes resumos e entendimento pessoal em uma edição da Bíblia e deu-lhe o pomposo nome de: Bíblia de Estudo de Fulano de Tal.

Meus queridos (as) assim que percebi a besteira que eu ia fazer; a mesma voz me perguntou: Até aqui quem tem te ensinado? Sabe então o que eu fiz? O que qualquer cristão verdadeiramente servo de Jesus faria: Apaguei todos os dados que já havia preenchido no cadastro fechei a pagina da editora e esqueci que um dia por um devaneio tive a intenção de aprender mais de Deus pelos ensinamentos de outro que não o Espirito Santo de Deus que tinha acabado de carinhosamente me repreender. E continuo a publicar este humilde instrumento de divulgação pelo original ensinamento que o Espirito Santo me permite passar para vocês. Da mesma maneira ingênua desprovida muitos estudos de dons literário de um escritor e repleta de erros dos quais todo aprendiz está sujeito a cometer.

Porém com a minha consciência tranquila de que obedeci ao único que pode realmente me ensinar: O próprio autor da única é perfeita palavra: O Espirito Santo de Deus: Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 2 Tm 3:16.

Não sei se já havia dito isso: Mas a vida de um cristão não tem nada de monótono como alguns pensam! Quando buscamos a verdade e apenas a verdade sobre o que Jesus Cristo nos deu como ensinamento, cada dia é um dia; que com certeza estaremos pondo em pratica tudo que Dele ouvimos.

Eles estavam muito admirados com a sua maneira de ensinar, pois Jesus falava com autoridade. Lc 4:32. - Ora meus queridos (as) qual o homem que pode anular a autoridade de Jesus? Aqueles que recopilam bíblias e dão o nome de estudos? Recopilar = Abreviar, compendiar, resumir. 2. Juntar (extratos ou trechos de diferentes autores).

Pois naquela hora o Espírito Santo lhes ensinará o que devem dizer. Lc 12:12. Então! Para o abestado aqui ia querer uma bíblia de estudo? Se o próprio autor está presente a cada instante para me ensinar? Coisa de homem mesmo!

Quando eu disse no meu testemunho acima que o Espirito Santo me repreendeu carinhosamente, foi porque de fato eu mereci: Pois aqui esta a chave para que qualquer pessoa possa falar livremente sem receio algum de errar sobre Deus Jesus e o próprio Espirito Santo: Basta que tenha lido e continue a ler habitualmente a palavra que quando for necessário Ele nos lembra do devemos dizer: Mas o Auxiliador, o Espírito Santo, que o Pai vai enviar em meu nome, ensinará a vocês todas as coisas e fará com que se lembre de tudo o que eu disse a vocês. Jo 14:26.

Espero que tenha ficado claro que ainda que haja homens com as “melhores das intenções” para te ensinar sobre Deus. Prefira aprender do próprio autor e consumador de todas as coisas. Aquele que era, foi e será. O único pelo qual tudo podemos e devemos crer e nunca duvidar. E não ensinará cada um a seu próximo, Nem cada um ao seu irmão, dizendo: Conhece o Senhor; Porque todos me conhecerão, Desde o menor deles até ao maior. Hb 8:11.

Jesus Cristo de Nazaré o Filho amado de Deus e Nosso Senhor e Salvador.

Amém.

image

quinta-feira, 10 de maio de 2012

E aconteceu, depois disto, que andava de cidade em cidade, e de aldeia em aldeia, pregando e anunciando o evangelho do reino de Deus; e os doze iam com ele, Lc 8:1

image

Que maravilha ouvir o próprio Jesus Cristo anunciando o evangelho! No entanto, não era a todos da multidão que o seguia que era dado a conhecer as coisas do reino de Deus. Pois, entre eles havia muitos que apenas o seguia, mas verdadeiramente não estavam interessados no que Ele anunciava. A estes Jesus falava por parábola. Parábola = Narração alegórica que contém algum preceito moral.

E, ajuntando-se uma grande multidão, e vindo de todas as cidades ter com ele, disse por parábola:
Um semeador saiu a semear a sua semente e, quando semeava, caiu alguma junto do caminho, e foi pisada, e as aves do céu a comeram; E outra caiu sobre pedra e, nascida, secou-se, pois que não tinha umidade; E outra caiu entre espinhos e crescendo com ela os espinhos, a sufocaram; E outra caiu em boa terra, e, nascida, produziu fruto, a cento por um. Dizendo ele estas coisas, clamava: Quem tem ouvidos para ouvir, ouça. Lc 8:4-8.

No entanto para aqueles que tinham realmente interesse e o privilegio ouvir o que Jesus explicava, ficava claro que entre os outros que ouviram tinham aqueles que estavam lá somente por estar; e certamente não iriam se tornar verdadeiros seguidores do evangelho. - E os seus discípulos o interrogaram, dizendo: Que parábola é esta?
E ele disse: A vós vos é dado conhecer os mistérios do reino de Deus, mas aos outros por parábolas, para que vendo, não vejam, e ouvindo, não entendam.
Esta é, pois, a parábola: A semente é a palavra de Deus; E os que estão junto do caminho, estes são os que ouvem; depois vem o diabo, e tira-lhes do coração a palavra, para que não se salvem, crendo; E os que estão sobre pedra, estes são os que, ouvindo a palavra, a recebem com alegria, mas, como não têm raiz, apenas creem por algum tempo, e no tempo da tentação se desviam; E a que caiu entre espinhos, esses são os que ouviram e, indo por diante, são sufocados com os cuidados e riquezas e deleites da vida, e não dão fruto com perfeição; E a que caiu em boa terra, esses são os que, ouvindo a palavra, a conservam num coração honesto e bom, e dão fruto com perseverança. Lc 8:9-15.

Lendo a explicação da parábola do semeador, fica claro porque até hoje continua existindo os mesmos tipos de ouvintes quando se anuncia o evangelho do reino de Deus. O que acontece em verdade, é que em todas as épocas e locais onde se anunciou o evangelho, poucas sementes caíram de fato em boas terras! Ou quando não, o que há é que sequer quiseram entender de fato a diferença entre o mundo e o reino de Deus. Eu particularmente penso que muito ao invés de buscar como se chega ao reino, se pudesse adaptaria o reino ao mundo em que vivem. Quer agir como se fosse possível evitar que a luz do evangelho não venha prevalecer contra a escuridão que assola o mundo: "Ninguém acende uma candeia e a esconde num jarro ou a coloca debaixo de uma cama. Pelo contrário, coloca-a num lugar apropriado, de modo que os que entram possam ver a luz.
Porque não há nada oculto que não venha a ser revelado, e nada escondido que não venha a ser conhecido e trazido à luz. Lc 8:16-17.

Outra característica interessante da parábola do semeador está no fato de que Jesus compara o reino de Deus a uma plantação de milho. Ele sugere que haverá um momento em que ainda que muitos não desejem ou queiram entender, a palavra ira frutificar e por fim chegará a hora em que muitos serão impactados pela sua verdade: - E dizia: O reino de Deus é assim como se um homem lançasse semente à terra.
E dormisse, e se levantasse de noite ou de dia, e a semente brotasse e crescesse, não sabendo ele como.
Porque a terra por si mesma frutifica, primeiro a erva, depois a espiga, por último o grão cheio na espiga.
E, quando já o fruto se mostra, mete-se-lhe logo a foice, porque está chegada a ceifa. Mc 4:26-29.

Por isso que mesmo enfrentando lutas, sabendo que muitos não “estão nem ai” para o reino de Deus, eu e todos os verdadeiros cristãos seguidores de Jesus Cristo, não podemos esmorecer e nem sequer pensar em desistir de anunciar o evangelho do reino de Deus, o qual nos foi ensinado por Jesus e por Ele a nos confiado que continuasse anunciando a todos os povos. E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. Mc 16:15.

Talvez em todo o evangelho o mais importante na vida de um cristão está na obediência desta comissão. E infelizmente, nela também recai a maior parte da negligência dos que querem ensinar o evangelho de Cristo, sem que, contudo, apresente aos ouvintes o quão pesada foi a cruz que Jesus teve que carregar por cada um. Para que agora não queiram compartilhar também do que a de vim em perseguições, criticas, ofensas, lutas que ainda assim não se compara ao preço que Ele o Cristo já pagou com o seu sangue.

Como o profeta Isaias a aproximadamente 750 anos antes descrevia como seria sua morte, podemos ver que nada se compara em dor ou sofrimento humano. Ainda que  venhamos  a lamentar alguma tribulação, nada se compara ao que Jesus inocente, sem pecado mas por muito nos amar passou:

Quem creu em nossa mensagem e a quem foi revelado o braço do Senhor?
Ele cresceu diante dele como um broto tenro, e como uma raiz saída de uma terra seca. Ele não tinha qualquer beleza ou majestade que nos atraísse, nada em sua aparência para que o desejássemos.
Foi desprezado e rejeitado pelos homens, um homem de tristeza e familiarizado com o sofrimento. Como alguém de quem os homens escondem o rosto, foi desprezado, e nós não o tínhamos em estima.
Certamente ele tomou sobre si as nossas enfermidades e sobre si levou as nossas doenças, contudo nós o consideramos castigado por Deus, por ele atingido e afligido.
Mas ele foi transpassado por causa das nossas transgressões, foi esmagado por causa de nossas iniquidades; o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados.
Todos nós, tal qual ovelhas, nos desviamos, cada um de nós se voltou para o seu próprio caminho; e o Senhor fez cair sobre ele à iniquidade de todos nós.
Ele foi oprimido e afligido, contudo não abriu a sua boca; como um cordeiro foi levado para o matadouro, e como uma ovelha que diante de seus tosquiadores fica calada, ele não abriu a sua boca.
Com julgamento opressivo ele foi levado. E quem pode falar dos seus descendentes? Pois ele foi eliminado da terra dos viventes; por causa da transgressão do meu povo ele foi golpeado.
Foi-lhe dado um túmulo com os ímpios, e com os ricos em sua morte, embora não tivesse cometido qualquer violência nem houvesse qualquer mentira em sua boca. Is 53:1-9.

Por isso meus queridos (as) que não por contender, ofender, contestar, ridicularizar que quando afirmo não haver nada que se preste neste mundo para substituir a Jesus Cristo como mediador entre o homem e Deus. Se o que escrevo e mostro está à luz da Bíblia, então é verdade que somente Ele Jesus foi capaz de fazer, mesmo sabendo de tudo que haveria de Ser e também Sofrer. Então, não estou sendo contencioso. - Foi-lhe entregue o livro do profeta Isaías. Abriu-o e encontrou o lugar onde está escrito:
"O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me ungiu para pregar boas novas aos pobres. Ele me enviou para proclamar liberdade aos presos e recuperação da vista aos cegos, para libertar os oprimidos e proclamar o ano da graça do Senhor".
Então ele fechou o livro, devolveu-o ao assistente e assentou-se. Na sinagoga todos tinham os olhos fitos nele; e ele começou a dizer-lhes: "Hoje se cumpriu a Escritura que vocês acabaram de ouvir". Lc 4:17-21.

Assim como foi, também será cumprido tudo daquilo sobre o que ainda se ouvirão das escrituras, enquanto houver quem a anuncie.

Em Nome de Jesus Cristo

Amém.

image

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Porque Deus não nos destinou para a ira, mas para recebermos a salvação por meio de nosso Senhor Jesus Cristo. Ele morreu por nós para que, quer estejamos acordados quer dormindo, vivamos unidos a ele. 1 Ts 5:9-10

image

Deus não nos salvou para nos condenar. Não, ele nos salvou para que pudéssemos ir para casa com ele e gozar da sua graciosa presença pela eternidade. Deus quer que estejamos na sua presença; é o significado da salvação! Ele não vai deixar que qualquer coisa, faça com que nos afastemos da sua presença, porquanto nossos corações pertencem a ele!

Não que tal promessa, venha servir como desculpa para que o cristão ache-se na condição de poder cometer um pecadinho aqui outro acolá! Contando que uma vez salvo sempre salvo. Esta visão enganosa do principio da manutenção da nossa condição de salvos pelo sangue de Jesus Cristo, tem levado a muitos deixarem que aquilo que inicialmente começa com uma tentação; venha se converter em pecado consumado. Só para lembrar aos que assim agem, ai vai a seguinte orientação: Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia! 1 Co 10:12.

Infelizmente a linha que separa o cristão do pecado é muito tênue e constantemente a sua resistência está sendo posta a prova! O próprio Jesus Cristo ciente disto fez uma das mais belas orações que se pode fazer por alguém a quem ama.

"Eu revelei teu nome àqueles que do mundo me deste. Eles eram teus; tu os deste a mim, e eles têm guardado a tua palavra.
Agora eles sabem que tudo o que me deste vem de ti.
Pois eu lhes transmiti as palavras que me deste, e eles as aceitaram. Eles reconheceram de fato que vim de ti e creram que me enviaste.
Eu rogo por eles. Não estou rogando pelo mundo, mas por aqueles que me deste, pois são teus.
Tudo o que tenho é teu, e tudo o que tens é meu. E eu tenho sido glorificado por meio deles.
Não ficarei mais no mundo, mas eles ainda estão no mundo, e eu vou para ti. Pai santo, protege-os em teu nome, o nome que me deste, para que sejam um, assim como somos um.
Enquanto estava com eles, eu os protegi e os guardei pelo nome que me deste. Nenhum deles se perdeu, a não ser aquele que estava destinado à perdição, para que se cumprisse a Escritura.
"Agora vou para ti, mas digo estas coisas enquanto ainda estou no mundo, para que eles tenham a plenitude da minha alegria. Jo 17:6-13.

Mas como disse acima, mesmo assim a nossa resistência está sempre sendo posta a prova. Principalmente no que se refere à perseverança na fé. Pois se para as pessoas que buscam no que é visível o conforto para suas aflições, já não é fácil, o que dizer aos que têm a sua esperança depositada na fé em Jesus Cristo? Não que esteja reclamando! Mas com certeza tenho sentindo “na pele” o que é ser confrontado pelas tentações. - Quando alguém for tentado, jamais deverá dizer: "Estou sendo tentado por Deus". Pois Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta. Tg 1:13. Peço que não interpretem “tentações” como sendo algo de cunho grave que venha impedir-me de continuar a cumprir a comissão do Ide.

De fato e verdade! Contudo eu tenho a plena convicção de que nada realmente do que vem ocorrendo comigo, tem haver com a vontade Deus.

Pena, porém que muitos ainda pensam que Deus possa está por trás das muitas aflições dos homens. Como se o mesmo Deus que por muito nos amar, enviou o Seu Filho para morrer por todos; fosse capaz de nos provocar qualquer forma de aflição. O fato é desconhecem o verdadeiro caráter de Deus; não sabem que Ele é o próprio Amor: Assim conhecemos o amor que Deus tem por nós e confiamos nesse amor. Deus é amor. Todo aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus nele.1 Jo 4:16.

Contudo, Ele acima de tudo é um Deus justo! – Pois a ira do homem não produz a justiça de Deus. Tg 1:20. E como tal só pode impedir que as tentações se convertessem em pecado consumado, quando há obediência e comunhão com a vontade dEle. O que também faz com que, não havendo esta comunhão e por força do pecado consumado; é que com tristeza se dá o afastamento do Espirito Santo; o que permiti então que o mal prevaleça; ainda que não seja a vontade de Deus: Mas as suas maldades separaram vocês do seu Deus; os seus pecados esconderam de vocês o rosto dele, e por isso ele não os ouvirá. Is 59:2. Humanamente explicando: É como se o pai se visse forçado a permitir que o seu filho seja castigado pelo erro cometido pela lei; pois, já não cabe mais apenas a repreensão e o aviso. - Tu repreendes e disciplinas o homem por causa do seu pecado; como traça destrói o que ele mais valoriza; de fato, o homem não passa de um sopro. Pausa Sl 39:11. O que não vem a ser o meu caso!

Contudo, ainda que com toda dificuldade e momentâneas aflições que eu venha estar passando; posso afirmar que nada ira me afastar de Jesus Cristo. Farei o tudo que puder até que o que é impossível para mim, possa dar lugar ao possível de Deus e com certeza eu irei prevalecer contra tudo que me é contrario: Jesus olhou para eles e respondeu: "Para o homem é impossível, mas para Deus todas as coisas são possíveis". Mt 19:26. Pois, sei e creio que em tudo com Jesus Cristo sou mais que vencedor: “somos perseguidos, mas não abandonados; abatidos, mas não destruídos.” 2Co 4:9.

E como já dizia o apostolo Paulo: Por essa causa também sofro, mas não me envergonho, porque sei em quem tenho crido e estou bem certo de que ele é poderoso para guardar o meu depósito até aquele dia. 2 Tm 1:12.

Pois sei que nada poderá me tirar àquilo que tanto custou a Deus. O sangue precioso do Seu amado Filho Jesus Cristo: Quem nos separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Rm 8:35.

E no, mas, Jesus Cristo nos dá a certeza que: O Senhor, o seu Deus, está em seu meio, poderoso para salvar. Ele se regozijará em você, com o seu amor a renovará, ele se regozijará em você com brados de alegria. Sf 3:17.

Tão certo assim que Nele esperarei: “mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam bem alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam. Is 40:31.

Sendo assim, meus queridos (as), antes que venha a cair e sentir o peso da justiça de Deus faça o que a palavra ensina: Portanto, submetam-se a Deus. Resistam ao diabo, e ele fugirá de vocês. Tg 4:7.

Que Deus em sua infinita misericórdia possa me abençoar e a todos vocês em nome de Jesus Cristo.

Amém.

image

segunda-feira, 7 de maio de 2012

"Eu sou o Senhor, o teu Deus, que te tirei do Egito, da terra da escravidão. "Não terás outros deuses além de mim. Dt 5:6-7

image

Deus é soberano, todo poderoso e sem rival. Por causa disso, é realmente surpreendente que ele repetidamente escolha nos abençoar com a sua graça antes de nos chamar ao louvor e obediência. Em um claro contraste aos deuses da maioria das religiões que exigem aderência, sacrifício e obediência antes de conceder o seus favores. O Deus da Bíblia, O único e verdadeiro Deus Vivo oferece a graça através do Seu Filho Jesus Cristo e somente depois nos chama à obediência e mais nada. Portanto, nada mais justo que Ele tenha direito de nos pedir que não tenhamos outros deuses! Ele é digno de ser o nosso único Deus, por causa do Seu grande amor que nos ama e sua Glória incomparável!

Eu Sou! Não existe uma definição, mas adequada para representar a incomparável glória de Deus. Não é necessário e nem há nenhuma outra que possa expressar a grandeza do Deus Vivo. Foi assim que Ele mesmo se definiu quando mandou Moisés anuncia-lo e foi assim que Jesus também afirmou Ser igual. - Disse Deus a Moisés: "Eu Sou o que Sou. É isto que você dirá aos israelitas: Eu Sou me enviou a vocês". Ex 3:14. - Estou lhes dizendo antes que aconteça, a fim de que, quando acontecer, vocês creiam que Eu Sou. Jo 13:19.

Então o que leva as pessoas serem desobedientes a Deus e buscar em outros deuses o que só o Eu Sou é capaz? Talvez a melhor definição para tentar explicar, seja o fato de que as pessoas não desejam ser liberta s daquilo que as aprisionam desde quando sejam satisfeitas nos seus desejos imediatos. Ou seja, desde que a escravidão valha a pena! Assim também, pensava os Israelitas que se acostumaram a viver como escravos desde que tivessem o que comer: Disseram-lhes os israelitas: "Quem dera a mão do Senhor nos tivesse matado no Egito! Lá nos sentávamos ao redor das panelas de carne e comíamos pão à vontade, mas vocês nos trouxeram a este deserto para fazer morrer de fome toda esta multidão! " Ex 16:3. E da mesma forma continuam pensando todos os que vivem para comer, vestir, beber e divertir-se! Não se importa que estejam na escravidão do pecado, desde que os seus desejos imediatos sejam supridos. Não lhes interessa saber o que ira acontecer depois. É ai que entra a busca aos vários deuses, pois se observarem a maneira pela qual são cultuados, verão a clara manifestação egoísta que cada um deles desperta naqueles que os adoram. Os que usam as coisas do mundo, como se não as usassem; porque a forma presente deste mundo está passando. 1 Co 7:31. Pois, para cada desejo carnal existe um desses deuses que afirma atuar especificamente; dai vem a necessidade de criar-se formas diferentes para adora-los de acordo com o que os seus adoradores desejam.

Agora vejam como são contraditórias as pessoas! Quando convidamos uma pessoa a aceitar a Jesus Cristo como seu único e suficiente Salvador; a resposta, mas comum para não querer é a que eles alegam: Ser muito difícil viver como Jesus ensina! No entanto, estas mesmas pessoas estão constantemente envolvidas com todo o tipo e formas de obrigações para demonstrar que adoram outros deuses?

São roupas de determinadas cores para determinados dias, são rituais de diversas formas, são promessas, penitências, rezas, sacrifícios, pagamentos e até tentam fornecer luz aos deuses que deveriam ter iluminação própria através de velas! É no mínimo de estranhar que tentem explicar uma dificuldade; quando se vive escravo de tantas exigências de todos esses deuses.

Se ao menos eles pudessem responder onde estão os seus deuses? E que tipo de deuses são para que necessitem serem supridos quando eles deveriam suprir? Mas! O Deus Vivo; o Deus da bíblia quando nos perguntam onde Ele está? Sabemos como responder:

Por que perguntam as nações: "Onde está o Deus deles? "
O nosso Deus está nos céus, e pode fazer tudo o que lhe agrada.
Os ídolos deles, de prata e ouro, são feitos por mãos humanas.
Têm boca, mas não podem falar olhos, mas não podem ver; têm ouvidos, mas não podem ouvir nariz, mas não podem sentir cheiro; têm mãos, mas nada podem apalpar pés, mas não podem andar; nem emitem som algum com a garganta. Salmos 115:2-7.

Pois simplesmente Ele é o Eu Sou! O que está em tudo e tudo que por Ele se fez. Até a vida daqueles que não creem Nele; existe para o seu propósito: O Senhor faz tudo com um propósito; até os ímpios para o dia do castigo. Pv 16:4.

Pois é claro que havendo a desobediência, também aja o castigo. O que, porém os que não querem aceitar a Graça de Cristo e dar-lhe o reconhecimento e gratidão precisam entender, é que até que venha o dia do castigo. O nosso Deus maravilhoso fará de tudo para tentar livra-los do terrível fim que seguir estes deuses levará: E esta é a vontade daquele que me enviou: que eu não perca nenhum dos que ele me deu, mas os ressuscite no último dia. Jo 6:39. Pois a verdadeira essência de Deus está no fato de que: Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna. Jo 3:16.

Meus queridos (as) existem tantas coisas que pode vim a se constituir deuses, que me perderia em tentar enumera-los. O Deus que nos ama de verdade, no entanto é um só, o grande: Eu Sou. Talvez o momento que esteja passando possa estar levando-o a crer que existe outro deus que possa ajuda-lo especificamente nesta área, porém creia! Não há! Ainda que possa de alguma forma associar à realização de algo; atribuindo a participação de outro deus. O mais certo é que esteja sendo enganado por quem até de Anjo de Luz se disfarça: Isto não é de admirar, pois o próprio Satanás se disfarça de anjo de luz. 2 Co 11:14.

Se estou afirmando que os outros deuses são demônios? Não só estou afirmando, como desafio a quem crer de outra forma a se certificar da maneira como Jesus ensinou aos seus discípulos para verem se não são! - Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo. Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus; mas todo espírito que não confessa a Jesus não procede de Deus. Esse é o espírito do anticristo, acerca do qual vocês ouviram que está vindo, e agora já está no mundo. 1 Jo 4:1-3. – E se ainda duvida? Quando estiver diante de alguma manifestação tida como “espiritual” interrogue o possuído e peça para que confesse que Jesus Cristo é o Filho de Deus e Ressuscitou dos mortos, isto claro! Se tiver coragem. Certamente como já aconteceu com outros charlatões: Alguns judeus que andavam expulsando espíritos malignos tentaram invocar o nome do Senhor Jesus sobre os endemoninhados, dizendo: "Em nome de Jesus, a quem Paulo prega, eu lhes ordeno que saiam! "
Os que estavam fazendo isso eram os sete filhos de Ceva, um dos chefes dos sacerdotes dos judeus.
Um dia, o espírito maligno lhes respondeu: "Jesus, eu conheço, Paulo, eu sei quem é; mas vocês, quem são? "
Então o endemoninhado saltou sobre eles e os dominou, espancando-os com tamanha violência que eles fugiram da casa nus e feridos.
Quando isso se tornou conhecido de todos os judeus e os gregos que viviam em Éfeso, todos eles foram tomados de temor; e o nome do Senhor Jesus era engrandecido. At 19:13-17

O espírito do anticristo já está no mundo na forma de todos os outros deuses e religiões que pregam a adoração a eles e não a Jesus Cristo o único que é digno de toda adoração, glória e louvor; pois foi o único que morreu e ressuscitou por todos nós. E não por alguns que se submetam a sua vontade como fazem os outros deuses que nada fizeram para serem dignos de qualquer forma de adoração.

Hoje o mundo prega que devemos viver de acordo com a lógica e a inteligência, ótimo! Então vamos ser lógicos:

Suponhamos que o que Bíblia diz: Que somente aqueles que confessarem que Jesus Cristo é Seu único e suficientes salvadores terão vida eterna! O que você esta perdendo se aceitar isto como fato? Afinal todos, seja pela logica, inteligência ou pela fé concordamos que morreremos de qualquer forma não é? Porque não acreditar em Jesus Cristo? O que tem a perder? Pois, se pelo contrario; a Bíblia estiver errada! Já que sabemos que todos nós morreremos mesmo, vamos estar todos no mesmo barco. Mas, o contrario, no entanto... Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Jo 3:15. Mas se mesmo assim não quiserem. Bobagem! Só vão perecer. Perecer |ê| - v. intr.1. Acabar, findar, deixar de existir. 2. Morrer (sobretudo prematura ou violentamente).

Com certeza adorar a um único melhor e verdadeiro Deus é muito melhor do que arriscar-se com qualquer outro que aparece por ai. Ouvindo isso, levantaram juntos a voz a Deus, dizendo: "Ó Soberano, tu fizeste o céu, a terra, o mar e tudo o que neles há! At 4:24.

Amém.

image