quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Não pergunteis, pois, que haveis de comer, ou que haveis de beber, e não andeis inquietos. Porque as nações do mundo buscam todas essas coisas; mas vosso Pai sabe que precisais delas. Lucas 12:29,30.

ansiedade_1920x1200

 

A preocupação com a fome a sede e tudo mais, quando não é por uma questão de injustiça não deveria ser motivo para deixar as pessoas inquietas e reclamando. Apesar do versículo acima esta dirigido aos que já aceitou a Jesus Cristo, o que chama a atenção é fato de que ele afirma uma coisa que é a realidade do mundo em todas as épocas. A escassez de comida e agua não é privilégio dos dias atuais, muito pelo contrario foi exatamente por haver escassez de alimento que os Hebreus foram para o Egito. E havia fome naquela terra; e desceu Abrão ao Egito, para peregrinar ali, porquanto a fome era grande na terra. Gênesis 12:10.

Quando vemos acima a advertência quanto a não deixar que estas inquietações venham impedir que nossa busca saia do campo das necessidades material e das necessidades do corpo. Claro que precisamos comer beber etc., contudo não podemos viver como se fosse isto a nossa principal razão de viver aqui na Terra. Jesus já ensinava que mesmo comendo e bebendo ainda assim tornaríamos a ter fome. Porém o alimento que Ele nos oferece é diferente. E Jesus lhes disse: Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome, e quem crê em mim nunca terá sede. João 6:35.

Já postei que quando absorvi este entendimento no inicio da minha caminhada com Jesus Cristo, não tive mais nenhuma ansiedade quanto a minha manutenção. Aprendi a pedir orientação ao Senhor em relação a todas as minhas decisões e creiam que quando obedeço nada dá errado e até quando possa por não ter às vezes compreendido direito errar, não permito que o pensamento comum a todo mundo, de que: Errar é humano, venha trazer qualquer frustação, ao invés disso, busco na palavra os exemplos de amor perdão e paciência de Jesus: Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça. 1 João 1:9.

Jesus não obriga ninguém o seguir. Ele apenas convida-o a andar com Ele e como Ele andou. Como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com virtude; o qual andou fazendo bem, e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus era com ele. Atos 10:38.

O que infelizmente os homens não entendem é que o andar fazendo o bem, não se trata de uma condição para obter algo em troca como é entendido e feito por muitos religiosos de diversas instituições. Não é de agora que os homens pensam que pode por eles mesmos fazer algo que lhes tragam reconhecimento de Deus. Não fareis conforme a tudo o que hoje fazemos aqui, cada qual tudo o que bem parece aos seus olhos. Deuteronômio 12:8.

A questão é que: O conceito dos homens em relação ao que pode ser feito para: agradar merecer chegar até Ele receber bênçãos e tudo mais que se faz dizendo ser por Deus ou Jesus. E que no fundo  estão mesmo pensando em receber algo para si mesmos do que propriamente  sendo sinceros. Portanto, quando você der esmola, não anuncie isso com trombetas, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, a fim de serem honrados pelos outros. Eu lhes garanto que eles já receberam sua plena recompensa. Mateus 6:2.

Almejar riquezas se tornou a atividade principal de quase todo mundo, hoje não vemos mais o profissional abnegado e vocacionado para a atividade que escolheu. Médicos Dentistas Advogados Juízes Professores Policiais Padeiro Famaceutico Açoqueiro Gari etc. Não são mais motivados pelo antigo e nobre interesse de assistir o próximo.

Cada um pelos seus “justificados” motivos esquece juramento feito compromisso assumido sentimento necessário palavra dados horários marcados e ainda assim se sentem corretos cientes despreocupados indiferentes “inocentados” pelos seus próprios julgamentos.

Leiam e medite no que Jesus ensinou e vejam se há justiça naquilo que se julga pelos seus próprios interesses.

Certa ocasião, um perito na lei levantou-se para pôr Jesus à prova e lhe perguntou: "Mestre, o que preciso fazer para herdar a vida eterna? "
"O que está escrito na Lei? ", respondeu Jesus. "Como você a lê? "
Ele respondeu: " ‘Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todas as suas forças e de todo o seu entendimento’ e ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’".
Disse Jesus: "Você respondeu corretamente. Faça isso, e viverá".
Mas ele, querendo justificar-se, perguntou a Jesus: "E quem é o meu próximo? "
Em resposta, disse Jesus: "Um homem descia de Jerusalém para Jericó, quando caiu nas mãos de assaltantes. Estes lhe tiraram as roupas, espancaram-no e se foram, deixando-o quase morto.
Aconteceu estar descendo pela mesma estrada um sacerdote. Quando viu o homem, passou pelo outro lado.
E assim também um levita; quando chegou ao lugar e o viu, passou pelo outro lado.
Mas um samaritano, estando de viagem, chegou onde se encontrava o homem e, quando o viu, teve piedade dele.
Aproximou-se, enfaixou lhe as feridas, derramando nelas vinho e óleo. Depois colocou-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e cuidou dele.
No dia seguinte, deu dois denários ao hospedeiro e disse-lhe: ‘Cuide dele. Quando voltar lhe pagarei todas as despesas que você tiver’.
"Qual destes três você acha que foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes? "
"Aquele que teve misericórdia dele", respondeu o perito na lei. Jesus lhe disse: "Vá e faça o mesmo".
Lucas 10:25-37

Não são os conceitos e nem as intenções que faz com que o bem prevaleça na relação Homem x Homem o que leva uma pessoa a fazer o bem é ver o proximo em quem quer que seja: O Próximo é a misericórdia.

Saber o significado de misericórdia deveria ser a razão motivadora do ser humano a ser mais humano com seu próximo. Misericórdia = Sentimento doloroso causado pela miséria de outrem. Ou seja! É se colocar no lugar do outro! Foi exatamente o que Jesus Cristo fez ao morrer na Cruz. Ele não pecou mentiu roubou adulterou traiu enganou prostituiu matou! Tudo isso que fez e ainda fazemos somos nós.

O motivo que levou Jesus morrer na Cruz foi a Misericórdia de Deus e a sua obediência: E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Filipenses 2:8.

Ainda hoje os homens são desobedientes à palavra de Jesus e vivem tentando através de muitas atitudes erradas consertarem o que por eles não há conserto. Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício. Porque eu não vim a chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento. Mateus 9:13.

Deus não enviaria seu Filho Amado para morrer crucificado se houvesse na face da Terra um só que pudesse fazer pela humanidade o que Jesus fez. Ou por acaso vocês conhecem algum ou acham que pode ser? Digo-vos que depressa lhes fará justiça. Quando, porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra? Lucas 18:8.

Meditem sobre tudo que até agora vocês foram levados a acreditar por não conhecerem a palavra de Deus e o porquê de Jesus Cristo ter morrido; se só fazia o bem.

Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele. 1 Timóteo 6:7

Amém.

image

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...