sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Os Julgamentos Humanos São Falíveis

ia_mateus5_43-45

Ontem eu postei como testemunho texto sobre a condenação praticada pelas pessoas e que não deixa de ser um julgamento ou preconceito. E hoje buscando nos muitos arquivos e tudo mais que tenho de Deus encontrei está história supostamente verdadeira, não posso afirmar, mais que é bastante interessante e por isso resolvi reproduzi-la para vocês hoje:

Não julgueis, para que não sejais julgados. Pois com o critério com que julgardes, sereis julgados; e com a medida com que tiverdes medido vos medirão também. Mateus  7:1;2.

A Bíblia Viva traduz a primeira parte desse texto da seguinte maneira: "Não critiquem, e assim vocês não serão criticados!" Em geral isso pode ser verdade, mas há exceções. Algumas pessoas que nunca condescendem com a crítica aos outros, são criticadas pelos outros assim mesmo.

A Bíblia na Linguagem de Hoje diz: "Não julguem os outros para não serem julgados por Deus". Isso está mais próximo da verdade, mas acho que a Edição Revista e Atualizada tem o melhor texto.

Um dos casos mais incríveis de julgamento errado de que já ouvi falar, foi feito por Honoré de Balzac, o prolífico romancista francês. Além de escrever romances, ele se considerava um perito em grafologia - o estudo (não, não é ciência) de textos escritos à mão para determinar o caráter e a personalidade de uma pessoa.
Certo dia, uma senhora levou ao grande escritor um caderno que continha uns rabiscos infantis. Pediu que ele os analisasse.
Depois de esquadrinhar cuidadosamente o texto, o culto homem concluiu que a criança era mentalmente retardada; mas ele quis ser diplomático e perguntou:
- A senhora é a mãe da criança?
- Não, eu não tenho laço nenhum de parentesco com ele - respondeu a senhora.
- Ótimo.
A testa de Balzac enrugou-se. Ele perguntava a si mesmo: "Como posso ser bondoso e ainda assim contar a verdade?" A franqueza venceu.
- A escrita dessa criança dá todos os indícios de imbecilidade. Temo que o menino nunca se torne grande coisa na vida, se é que vai ser alguém.
- Mas, senhor - protestou a mulher - esses rabiscos são seus. O senhor não reconhece a letra? Esse caderno foi seu, quando frequentava a escola de Vendôme.
Balzac evidentemente não conseguiu reconhecer a própria letra!
Tenho visto grafólogos fazerem fascinantes e espertas "adivinhações" - e acertarem. Mas também já tive oportunidade de ver erros deles.

Os julgamentos humanos são falíveis e isso é especialmente verdade no que se refere aos motivos. Só Deus pode ler o coração; você e eu não podemos. Não é surpreendente, portanto, que condenemos a nós mesmos quando julgamos os outros em questões nas quais não somos competentes.

O mais interessante desta historia ou estória é que de fato muitas pessoas até mesmo que seja por uma boa intenção é facilmente levada a cometer o engano do julgamento quando visto pela ótica humana.

Este versículo citado acima de I Samuel, é uma mostra de como até um homem que seja obediente a Deus é capaz de errar no cumprimento de uma missão quando deixa que os  olhos naturais mostrem aquilo que só com a ajuda de Deus  é possível ver.

O Versículo é parte do contexto que conta como Deus enviou o profeta Samuel para ungir o jovem Davi como novo Rei de Israel, após  Saul ter pecado e por isso Deus o rejeitou.O Senhor disse a Samuel: "Até quando você irá se entristecer por causa de Saul? Eu o rejeitei como rei de Israel. Encha um chifre com óleo e vá a Belém; eu o enviarei a Jessé. Escolhi um de seus filhos para ser rei". I Samuel 16:1.

Vejam como a precipitação ou o critério humano é falho, no versículo acima Deus diz que escolheu um dos filhos de Jessé. Certo? Agora vejam como o profeta interpretou: 

Então ele consagrou Jessé e os filhos dele e os convidou para o sacrifício.

Quando chegaram, Samuel viu Eliabe e pensou: "Com certeza este aqui é o que o Senhor quer ungir" I Samuel 16:5b e 6.

Vejam o que ele diz: “com certeza este aqui é o que o Senhor que ungir” Por que será que ele teve esta “inspiração”? O que o motivou a tirar esta conclusão? Samuel apesar de ser um profeta era humano e raciocinou como tal, porém como disse acima só Deus pode mostrar qualidades que não são vista com os olhos naturais:  O Senhor, contudo, disse a Samuel: "Não considere a sua aparência nem sua altura, pois eu o rejeitei. O Senhor não vê como o homem: o homem vê a aparência, mas o Senhor vê o coração". I Samuel 16:7.

Após esta escorregada! Samuel deixou de observar as qualidades aparentes de todos os 07 filhos que Jesse os apresentou e  não consegui encontrar em nenhum o qual Deus já havia escolhido: Jessé levou a Samuel sete de seus filhos, mas Samuel lhe disse: "O Senhor não escolheu nenhum destes"  I Samuel 16:10.

Samuel não titubeou: Então perguntou a Jessé: "Estes são todos os filhos que você tem? " Jessé respondeu: "Ainda tenho o caçula, mas ele está cuidando das ovelhas". Samuel disse: "Traga-o aqui; não nos sentaremos para comer até que ele chegue".  I Samuel 16:11.

Viram a diferença no comportamento do profeta? Ele não estava mais ansioso e já havia entendido que certamente Deus havia deixado por último o que ele escolheu justamente para também ensinar a Samuel a não se precipitar. Então Jessé mandou chamá-lo e ele veio. Ele era ruivo, de belos olhos e boa aparência. Então o Senhor disse a Samuel: "É este! Levante-se e unja-o".

Samuel então apanhou o chifre cheio de óleo e o ungiu na presença de seus irmãos, e a partir daquele dia o Espírito do Senhor apoderou-se de Davi. E Samuel voltou para Ramá. I Samuel 16:12;13.

E Deus não se engana e om a presença do Espirito de Deus ao seu lado Davi foi sendo preparado para ser o maior Rei que Israel teve.

Convido-os a continuarem está leitura de I Samuel do Capitulo 16 em diante pois verão o relato da vida de Davi até que finalmente chegasse ao trono. É amigos não foi de uma hora para outra que Davi chegou ao reinado, as coisas de Deus tem que ser levadas a serio até mesmo por quem ele escolhe. Leiam! Tenho certeza quem encontrão muitas lições de vida com o jovem Davi.

Em toda bíblia seja no Velho Testamento onde encontraremos a historia do povo escolhido por Deus que são os Israelitas até o Novo Testamento quando por Jesus somos por adoções também escolhidos para sermos seu povo encontraremos muitos exemplos de como deveríamos levar uma vida diferente se estivéssemos todos sob a unção do Senhor.

Deus é longânimo em esperar. Mais não sejam tardio em busca-lo: Busquem o Senhor enquanto se pode achá-lo; clamem por ele enquanto está perto. Isaias 55:6. 

Deus os abençoe.

Amém.

Vivo por Jesus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...