quinta-feira, 29 de março de 2012

Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus; mas todo espírito que não confessa a Jesus não procede de Deus. Esse é o espírito do anticristo, acerca do qual vocês ouviram que está vindo, e agora já está no mundo. 1 João 4:2-3.

image

Apesar da principal evidência para esperada volta do Senhor Jesus seja a revelada na Bíblia sobre a vinda do anticristo. Necessariamente não que dizer que a sua manifestação já não esteja ocorrendo. Afinal como bem explica o Apostolo João, para ser tal qual o “esperado” anticristo, basta a qualquer um negar, que Jesus Cristo é o Filho de Deus e que morreu e ressuscitou. Então não deveria causar tanto espanto aos crentes em Jesus, que estejamos , vivendo tempos parecidos ou senão piores do que em Sodoma e Gomorra. - Disse mais o SENHOR: Porquanto o clamor de Sodoma e Gomorra se tem multiplicado, e porquanto o seu pecado se tem agravado muito, Gênesis 18:20.

E se não bastasse o espanto, não é difícil encontrarmos crentes temerosos em relação a todos esses desatinos praticados. Pessoas que parecem esquecer qual o Deus a que servimos: Filhinhos, vocês são de Deus e os venceram, porque aquele que está em vocês é maior do que aquele que está no mundo.
Eles vêm do mundo. Por isso o que falam procede do mundo, e o mundo os ouve.
Nós viemos de Deus, e todo aquele que conhece a Deus nos ouve; mas quem não vem de Deus não nos ouve. Dessa forma reconhecemos o Espírito da verdade e o espírito do erro. 1 João 4:4-6.
Isto mesmo meus queridos (as)! Todos nós crentes em Jesus estamos a serviço de Dele! Pois somos também dependentes  e a única coisa que temos que temer, é não sermos capazes de  mesmo sob toda está pressão dos “anticristos” de obedecer ao que Ele nos manda. Amados, amemo-nos uns aos outros, pois o amor procede de Deus.  Aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus. Quem não ama não conhece a Deus, porque Deus é amor. Foi assim que Deus manifestou o seu amor entre nós: enviou o seu Filho Unigênito ao mundo, para que pudéssemos viver por meio dele. 1 João 4:7-9.

Temos sim, que cada vez mais sem temor algum! Estarmos sempre falando de Jesus Cristo a todos aqueles que por não ainda não conheceram o amor de Deus, pendem para o lado dos que já deliberadamente fizeram suas escolhas de servirem e até serem os próprios anticristos. - Nisto consiste o amor: não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que ele nos amou e enviou seu Filho como propiciação pelos nossos pecados. Amados, visto que Deus assim nos amou, nós também devemos amar-nos uns aos outros. Ninguém jamais viu a Deus; se nos amarmos uns aos outros, Deus permanece em nós, e o seu amor está aperfeiçoado em nós. Sabemos que permanecemos nele, e ele em nós, porque ele nos deu do seu Espírito 1 João 4:10-13.

Ainda que não tenhamos tido o privilegio que o apostolo João teve, ter visto, falado e andado com o Senhor. Isso não impede de forma alguma que nós crentes, que conhecemos e recebemos deste amor, venhamos confessar e dizer a todos que não experimentaram, o que estão perdendo. - E vimos e testemunhamos que o Pai enviou seu Filho para ser o Salvador do mundo. Se alguém confessa publicamente que Jesus é o Filho de Deus, Deus permanece nele, e ele em Deus.
Assim conhecemos o amor que Deus tem por nós e confiamos nesse amor. Deus é amor. Todo aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus nele. Dessa forma o amor está aperfeiçoado entre nós, para que no dia do juízo tenhamos confiança, porque neste mundo somos como ele. 1 João 4:14-17.

Contudo não devemos, sermos levados a fazer como muitos que tendo experimentado do amor de Deus, ainda assim não consegue viver tal como Jesus deseja que vivam. Dão constantemente o “tristemunho” de não serem capazes de amar o próximo pela desculpa do medo. Têm medo porque não compreenderam que o amor de Deus não é igual ao amor do mundo. Que é manifestado pelo desejo. Não foi aperfeiçoado no amor de Deus: No amor não há medo; pelo contrário o perfeito amor expulsa o medo, porque o medo supõe castigo. Aquele que tem medo não está aperfeiçoado no amor. Nós amamos porque ele nos amou primeiro. Se alguém afirmar: "Eu amo a Deus", mas odiar seu irmão, é mentiroso, pois quem não ama seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem não vê. Ele nos deu este mandamento: Quem ama a Deus, ame também seu irmão. 1 João 4:18-21.

Deixei propositalmente os primeiros versículos deste capitulo da carta do apostolo João para o final. A Bíblia como disse ontem, é para ser lida espiritualmente e infelizmente nem todos ainda são capazes de perceber se a sabedoria que permitirá que tenha o discernimento é amesmo dada pelo verdadeiro Espirito de Deus! Por este motivo expus antes todas as orientações do apostolo, para que vocês não venham também serem enganados.

Eu por exemplo, quando me deparo com pessoas muito “espiritualizadas” nos seus conceitos de vida. Ouço-as educadamente e assim que percebo de onde vem a sua “espiritualidade”. Ai então faço mesmo, o que o apostolo nos orienta: Pergunto. Meu caro, me diga uma coisa? Você acredita em Jesus Cristo? Ah! Meus queridos (as) você nem imaginam como dizem “o bico de sinuca” que eles ficam. É um tal de explicar que… e eu acho que…eu acredito que… e por ai vai! É muito fácil saber quem é de Deus! O que é difícil é encontrar quem têm a coragem de assumir isso diante da pressão do mundo.

Há proposito! Eu não tenho religião! Eu sou servo de Jesus Cristo. Eu sou a sua igreja e creio no Espirito Santo de Deus.

Amados, não creiam em qualquer espírito, mas examinem os espíritos para ver se eles procedem de Deus, porque muitos falsos profetas têm saído pelo mundo. Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: Todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus; 1 João 4:1-2.

Amém.

image

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.