terça-feira, 19 de julho de 2011

"Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize." João 14:27

 

cartao06

Paz! Quantas pessoas no mundo nesta hora estão desejosas de usufruir da Paz nem que seja por um breve momento no meio das suas batalhas? Contudo por mais que venha alcançar a paz do mundo nada garante que ela seja duradoura como realmente já foi, mas do que comprovado que não é. O motivo para que a paz do mundo tenha sido rejeitada até por Jesus a ponto de Ele não a desejar para nós é explicado pelo fato de que historicamente seja em que âmbito da natureza humana a paz concedida pelo mundo aos homens e mulheres é uma paz que depende de alguém ceder, resgatar, vender, comprar, trocar ou exigir algo por ela e mesmo quando até acordada entre partes que se dizem interessada nela é frágil e possível de ser facilmente quebrada. É assim ou não a paz do mundo?

Assim fica mais fácil compreender o porquê de Jesus frisou que a sua paz não era igual a do mundo. Jesus falou assim para que os discípulos que o ouviam e ficou registrado para nós na palavra, para que sabendo de onde viria a nossa paz nada que vessemos a passar fosse capaz de nos tirar do caminho para o Reino de Deus. Claro que Jesus como filho de Deus sabia de tudo que iria acontecer com todos aqueles que iriam crer em seu nome e também de todos os acontecimentos em relação ao resto do mundo depois que Ele fosse crucificado ressuscitasse e fosse elevado aos céus. "Vocês me ouviram dizer: Vou, mas volto para vocês. Se vocês me amassem, ficariam contentes porque vou para o Pai, pois o Pai é maior do que eu. João 14:28.

Jesus conhecia as limitações humana até mesmo dos seus discípulos com relação a crer e ter o entendimento do que Ele dizia por ainda não ter acontecido. Isso eu lhes disse agora, antes que aconteça, para que, quando acontecer, vocês creiam. João 14:29. O que não mudou muito nos dias de hoje. Seja nas igrejas ou pelos crentes fieis a palavra muitos já ouviram a pregação do evangelho de Jesus e mesmo assim continuam sem entenderem que na constante busca dos homens pela paz existe no meio do caminho um terrível inimigo que só pode ser retirado por Jesus. Sem que seja pelo seu Santo Nome ele não poderá ser derrotado. Já não lhes falarei muito, pois o príncipe deste mundo está vindo. Ele não tem nenhum direito sobre mim. João 14:30.

Jesus disse estas palavras antes de ser preso e levado para morrer na Cruz, para que já antecipando aos seus discípulos de que viriam acontecer eles pudessem lembrar-se das suas palavras. Pois mesmo que satanás não tivesse nenhum direito sobre Jesus; foi com uma artimanha bem dissimulada que lhe é peculiar, que convenceu aos Sacerdotes e Príncipes Judeus que eles só restabeleceriam a paz em Jerusalém se matassem Jesus. Mais até nisso satanás já estava derrotado, pois tudo fazia parte do plano de salvação de Deus para os homens através da morte de Jesus. Todavia para que o mundo saiba que amo o Pai e que faço o que meu Pai me ordenou. Levantem-se, vamo-nos daqui! João 14:31.

Varias gerações passaram e para cada época houve as manifestações de consciência da necessidade da paz entre os homens, mais por mais que tenham ideias, filosofias, ideologias e tudo mais que tentam criar para conseguir a tão desejada paz mundial ficam andando em círculos, pois não são capazes por si só de compreenderem que não se pode conquistar o que não sabem dá sem esperar nada em troca.

Jesus foi e é a verdadeira paz do mundo. Ele sozinho em apenas 33 anos vivendo como homem na terra mostrou não como fazer a paz. Ele tinha, levava, dava e deixava a paz por onde passava. Pois o conceito de Paz a qual Deus e Jesus estabelecem vai além da paz de um momentâneo acordo. "O conceito bíblico de paz tem na raiz o significado de " totalidade", de ""inteireza"" ou de ""perfeição"". Entre as importantes gradações de sentido,temos ""realização"", ""maturidade"", ""saúde"", ""integridade"", ""harmonia"", ""segurança"", ""bem-estar"" e ""prosperidade"". Conota, também a ausência de guerra e de perturbação."

Por isso que Jesus certa vez disse algo que parece ser contraditório ao versículo titulo: Vocês pensam que vim trazer paz à terra? Não, eu lhes digo. Pelo contrário, vim trazer divisão! Lucas 12:51.

Parece, mais não há nenhuma contradição nesta afirmação de Jesus. Basta uma observação mais atenta ao que leva as pessoas entre si perderem a paz, que entenderão que Jesus sabia que a sua Paz ia de contra ao pensamento humano e havendo entre um grupo até mesmo familiar quem concordasse com Ele, também haveria neste mesmo grupo quem discordasse. De agora em diante haverá cinco numa família divididos uns contra os outros: três contra dois e dois contra três.

Estarão divididos pai contra filho e filho contra pai, mãe contra filha e filha contra mãe, sogra contra nora e nora contra sogra. Lucas 12:52 e 53.

Ainda hoje o ser humano age da mesma forma, passaram mais de 2000 anos desde que Jesus afirmou esta verdade e o mundo continua sem paz e continua discordando da paz de Jesus e são estes pensamentos discordantes que há entre os homens que não permitem que alcancem a verdadeira paz.

Dizia ele à multidão: Quando vocês veem uma nuvem se levantando no ocidente, logo dizem: ‘Vai chover’, e assim acontece. E quando sopra o vento sul, vocês dizem: ‘Vai fazer calor’, e assim ocorre.

Hipócritas! Vocês sabem interpretar o aspecto da terra e do céu. Como não sabem interpretar o tempo presente? Lucas 12:54 -56.

Trazendo para os dias atuais vemos que a humanidade apesar de ter “experimentado” vários tipos momentâneos de paz no mundo continua agindo como loucos e não quer enxergar os sinais evidentes da ausência de Deus nas suas decisões, o que poderia se houvesse finalmente os levar a verdadeira paz de Cristo.

"Por que vocês não julgam por si mesmos o que é justo? Lucas 12:57

Sem Jesus a paz é frágil não se sustenta por si só. Tanto faz que creia ou não, a falta de paz é que leva os homens a buscar na conquista pela força, pelo poder, pelo dinheiro obter coisas matérias que possa por um breve instante dar-lhes a impressão de tê-la conseguido. São como castelos de areias que não resistem às ondas ou de cartas que ruem ao único sopro.

Só em Jesus Cristo há a paz que excede a compreensão humana e faz com que pareça loucura que mesmo na aflição o crente Glorificar a Deus. Por essa causa também sofro, mas não me envergonho, porque sei em quem tenho crido e estou bem certo de que ele é poderoso para guardar o meu depósito até aquele dia. II Timóteo 1:12

Quem tem Jesus não perde o bom animo: "Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo." João 16:33.

Amém e Glória a Deus.

image

Um comentário:

  1. Verdadeiramente só há paz em Jesus
    Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão.

    1 Tessalonicenses 5:3

    ResponderExcluir

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...