quinta-feira, 12 de abril de 2012

Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se! Filipenses 4:4.

imageUma das vantagens de sermos crente em Jesus Cristo é a de que não dependemos de fatores externos para que sejamos alegres! O Nosso Senhor é a fonte principal da nossa alegria. Pode até parecer impossível que diante de tantos problemas comuns a todos, eu afirme que ainda assim podemos nos alegrar. Mas, é exatamente isto que ocorre quando se tem Jesus Cristo no coração, como bem expressa os Salmos: Porque a sua ira dura só um momento; no seu favor está a vida. O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã. Salmos 30:5.

Essa maravilhosa promessa já seria mais do que suficiente para nos alegrar! E mais ainda nos garante a palavra que Jesus faz para que Nele tenhamos sempre o porquê de nos alegramos mesmo: Seja a amabilidade de vocês conhecida por todos. Perto está o Senhor. Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus. Filipenses 4:5-7.

Afinal na maioria das vezes são as muitas ansiedades que entristece as pessoas, principalmente as que não creem em Deus. Mas para os que dizem crerem em Deus e aceitou a Jesus Cristo, a ansiedade pelas coisas não devem mais fazer parte das suas vidas. É necessário que aprenda a ter pensamentos mais elevados em relação ao que desejam e perceberão que, se o que desejam estar de acordo com a vontade de Deus, não haverá aflições e motivo para tristeza:Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas.
Tudo o que vocês aprenderam, receberam, ouviram e viram em mim, ponham-no em prática. E o Deus da paz estará com vocês. Filipenses 4:8-9.

Quando somos verdadeiramente transformados pelo Espirito Santo de Deus a simples convivência com os irmão da fé é motivo para que fiquemos alegres: Portanto, meus irmãos, a quem amo e de quem tenho saudade, vocês que é a minha alegria e a minha coroa, permaneçam assim firmes no Senhor, ó amados! Filipenses 4:1.

Alias a vida de um cristão verdadeiramente convertido a Cristo tem que estar sempre repleta de motivos para alegrar-se. O próprio nascimento de Jesus já antevia esta condição: Ele será motivo de prazer e de alegria para você, e muitos se alegrarão por causa do nascimento dele, Lucas 1:1.

Eu que diga! Pois apesar de outro dia ter chegado a ficar momentaneamente abatido, logo percebi que não seria o suficiente para tirar a minha alegria no espírito - A alegria do coração transparece no rosto, mas o coração angustiado oprime o espírito. Provérbios 15:13. São experiências como esta que vivi me fez cada vez mais ter motivos para agir conforme a palavra diz: Porque no evangelho é revelada a justiça de Deus, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: "O justo viverá pela fé". Romanos 1:17.

Quando deixamos o controle de nossas vidas nas mãos de Deus é incrível como vemos de imediato a paz que o Senhor nos prometeu de imediato nos confortar e consequentemente vem a alegria: Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. João 14:27. Não é maravilhoso? Saber que ainda que as mesmas aflições que atinge a todos nos alcancem em algum momento, temos Jesus Cristo ao nosso lado: Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. João 16:33.

É isso que importa! Jesus Cristo venceu o mundo. Quando todos pensaram que a sua morte na cruz seria o fim; Ele ressuscitou! - E matastes o Príncipe da vida, ao qual Deus ressuscitou dentre os mortos, do que nós somos testemunhas. Atos 3:15.

Meus queridos (as) gostaria que vocês leem-se com bastante atenção os versículos abaixo e vejam se não é estranha a forma religiosa cheia de tradições e praticas tristes que a ICAR insiste em “celebrar” Jesus Cristo?

O que era desde o princípio, o que ouvimos o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam — isto proclamamos a respeito da Palavra da vida.
A vida se manifestou; nós a vimos e dela testemunhamos, e proclamamos a vocês a vida eterna, que estava com o Pai e nos foi manifestada.
Nós lhes proclamamos o que vimos e ouvimos para que vocês também tenham comunhão conosco. Nossa comunhão é com o Pai e com seu Filho Jesus Cristo.
Escrevemos estas coisas para que a nossa alegria seja completa. 1 João 1:1- 4.

Ora meus queridos (as) longe de ser uma critica; não há como não vê que há alguma coisa errada na doutrina da ICAR. Ou então! Eles estão andando ainda nas trevas. Ou não está escrito que a comunhão com Deus Pai e seu Filho Jesus nos faz ter alegria em tudo? Completa! Quem diz, ensina e pratica algo diferente, não está dizendo a verdade. E quem não diz a verdade é mentiroso.

Esta é a mensagem que dele ouvimos e transmitimos a vocês: Deus é luz; nele não há treva alguma.
Se afirmarmos que temos comunhão com ele, mas andamos nas trevas, mentimos e não praticamos a verdade.
Se, porém, andamos na luz, como ele está na luz, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus, seu Filho, nos purifica de todo pecado. 1 João 1:5-7.

Porque não ensinam que uma pessoa não se pode ser considerada cristão apenas por dizer que é adepto de uma instituição religiosa? Porque não dizer a verdade! Que não podem viver dizendo que acreditam em Deus e continuarem a praticar tudo que a palavra de Deus considera pecado? E pior! Ainda afirmarem que Padres, Bispos, Papas e afins podem perdoar pecados! Como? Se todos são pecadores também! E não é calunia minha, não! Está na Bíblia, inclusive a que eles dizem usar:

Se afirmarmos que estamos sem pecado, enganamos a nós mesmos, e a verdade não está em nós.
Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para perdoar os nossos pecados e nos purificar de toda injustiça. (*)
Se afirmarmos que não temos cometido pecado, fazemos de Deus um mentiroso, e a sua palavra não está em nós. 1 João 1:5-10

Nota: (*) O ele, que o versículo se refere é Deus. O único que é fiel e justo para perdoar os nossos pecados.

Só quem nunca pecou pôde morrer pelo pecados de todos e somente Deus pode aceitar este perdão. Não continuem sendo enganados: Pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus,Romanos 3:2.

Agora veja a expressão maior da alegria para Deus: Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se. Lucas 15:7.

Não esperem mais! Daí em diante Jesus começou a pregar: "Arrependam-se, pois o Reino dos céus está próximo". Mateus 4:17.

E se ainda tem duvidas quanto a quem deva confessar: Então reconheci diante de ti o meu pecado e não encobri as minhas culpas. Eu disse: "Confessarei as minhas transgressões ao Senhor", e tu perdoaste a culpa do meu pecado. Pausa. Salmos 32:5.

Só Jesus Cristo com o seu sangue Salva Cura e Liberta e pagou pelos meus e seus pecados.

Amém.

image

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.