segunda-feira, 29 de agosto de 2011

"Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie." Efésios 2:8-9

alfa-e-omega

A obras! Este é o grande engano que existe no mundo hoje, e que tem levado muitas pessoas creem que a salvação está ligada a boas obras e caridade, acreditando que, para entrar no Reino de Deus basta ajudar os necessitados. A bíblia recomenda sim amar ao próximo, é devemos ajuda-los, mas, no entanto, não podemos considerar isso como critério de salvação, pois a graça de Deus é que nos salvou um favor não merecido, foi Cristo crucificado em nosso lugar, que nos trouxe a salvação. Por isso toda honra e toda glória a Ele. "Ao único Deus, sábio, seja dada glória por Jesus Cristo para todo o sempre. Amém."  Romanos 16 : 27.

Eu no tempo que ignorava o que a Bíblia diz, também estive agindo da mesma maneira. Era como se estivesse cumprindo um dever de piedade pelos menos assistidos, saindo as quintas feiras (pois já havia outro grupo que saia as terças) distribuindo sopa, pão, roupas usadas etc. Hoje que conheço o evangelho. Hoje vejo como é totalmente diferente o que Jesus fazia e nos deixou como exemplo para que continuássemos e o que eu e aquelas pessoas cheias (as vezes nem tanto) de piedade,  simplesmente chegavam perto daquelas outras pessoas e davam o alimento e … partiam para a próxima não conhece.

Tinha pessoas que nem esperava o outro acordar (vocês sabem que as pessoas que moram na rua dormem bem cedo? Logo que o comercio fecha. O sono alimenta.) e deixava ao lado um copo de sopa e um pão. Há! Tinha também aqueles que ao serem acordados ficavam mal humorados e não queria receber nada, também tinha os sarcásticos! É. A fome e a miséria nem sempre quebra o orgulho. E perguntava o que iriamos trazer no dia seguinte? Faz sentido, não é?

E  mandavam a pergunta que não queria calar: eu tenho fome todos os dias. Ai os que se sentiam confrontados por serem tão bondosos e que estavam ali, achando que o seu “sacrifício” de estar na rua a noite ao invés de estar em casa bla… bla… não merceia está tremenda demonstração de ingratidão, como eu também, queria sentar a mão no ingrato. Sério! Estou relatando o que vivenciei e nem todas as reações eram sempre tão “piedosas” e quando os ânimos se exaltavam então.  Afinal todos eram humanos limitados pelas suas próprias concepções e por uma momentânea emoção.

É neste ponto que temos que parar para refletir sem a pieguice filosófica de que: hoje eu fiz a diferença para esta pessoa, dei-lhe um copo de sopa ou mingau e um pão francês com margarina. Mais nem sei o seu nome?

Bobagem! Jesus alimentou mais de cinco mil pessoas de uma única vez e mais quatro mil em outra ocasião e sabe o que Ele disse aos que o procuravam pela terceira vez? Jesus respondeu: "A verdade é que vocês estão me procurando, não porque viram os sinais miraculosos, mas porque comeram os pães e ficaram satisfeitos. João 6 : 26.

Percebem a inutilidade das obras? Mesmo eles tendo visto Jesus curar, libertar os oprimidos pelos demônios e tudo mais, de nada adiantou,  eles não entendiam o melhor que Jesus queria dar-lhes através do ensinamento das escrituras que falava da vinda do Messias. Eles só tinha olhos para os pães. Não trabalhem pela comida que se estraga, mas pela comida que permanece para a vida eterna, a qual o Filho do homem lhes dará. Deus, o Pai, nele colocou o seu selo de aprovação. João 6:27.

Alimentar, vestir sem que façamos como Jesus Cristo que teve imensa misericórdia de nos homens condenados que somos e colocou-se em nosso lugar para que pudéssemos ter uma nova oportunidade de nos voltarmos para Deus é o que deve ser feito. Misericórdia = Sentimento doloroso causado pela miséria de outrem. Colocar-se no lugar do outro.

"Mas, quando fizeres convite, chama os pobres, aleijados, mancos e cegos," Lucas 14 : 13. Como cristãos devemos chegar a estas pessoas para leva-las também a conhecerem a Jesus Cristo. "E Jesus lhes disse: Eu sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome, e quem crê em mim nunca terá sede." João 6 : 35.

Talvez nem eles e nem vocês possam entender ou não veja como isso acontecerá no primeiro momento. Mais eu e milhões de outros que aceitamos a Jesus sabemos o quanto é real em nossas vidas tudo aquilo que o Senhor nos promete.

Jesus não é uma religião ou uma filosofia de vida que possa ser encontrado na emoção de ajudar o próximo. Jesus Cristo é o único e suficiente salvador da humanidade e para que Ele seja uma realidade em suas vidas é necessário aceita-lo, conhece-lo e acima de tudo viver como Ele deseja que vivessem. "O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância." João 10 : 10.

A vida que todos precisam está em Cristo e Ele é o verdadeiro alimento. "Eu sou o pão vivo que desceu do céu; se alguém comer deste pão, viverá para sempre; e o pão que eu der é a minha carne, que eu darei pela vida do mundo." João 6 : 51.

Tudo que Ele disse, Ele cumpriu! Se quiseres compartilhar não mendigue por ajuda, venha para o Reino de Deus pelas mãos de Jesus.

"E nos fez reis e sacerdotes para Deus e seu Pai; a ele glória e poder para todo o sempre. Amém." Apocalipse 1 : 6.

Este é o Deus a quem eu sirvo e foi Jesus Cristo o seu Filho que me permitiu esta Honra.

Amém.

image

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...