domingo, 10 de julho de 2011

A esperança da Salvação.

 

seguir Jesus

Prefácio e saudação.

Pedro, apóstolo de Jesus Cristo, aos eleitos de Deus, peregrinos dispersos no Ponto, na Galácia, na Capadócia, na província da Ásia e na Bitínia, escolhidos de acordo com a pré-conhecimento de Deus Pai, pela obra santificadora do Espírito, para a obediência a Jesus Cristo e a aspersão do seu sangue: Graça e paz lhes sejam multiplicadas. I Pedro 1:1 e 2.

Assim começa a primeira epístola (carta) do Apostolo Pedro para os cristãos que estavam em peregrinação cumprindo o Ide do Nosso Senhor Jesus Cristo. A partir do versículo 3, ele começa a orientar as razões pelas quais, todos eles deveriam manter-se firmes no cumprimento desta ordenança de levar a palavra de Deus a todas as criaturas em qualquer lugar, e ainda hoje mais de 2000 anos após a sua morte Jesus continua esperando que façamos o mesmo. O cumprimento do Ide é uma das principais, sem não a principal ordenança de Jesus no que se refere à caminhada de um Cristão ao longo de sua vida. Não podemos simplesmente achar que já alcançamos a salvação apenas pelo fato de aceitarmos Jesus, sem que tenhamos a capacidade de entender e levar aos outros o motivo pelo qual importa aceita-lo.

Esperança de salvação.

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo! Conforme a sua grande misericórdia, ele nos regenerou para uma esperança viva, por meio da ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança que jamais poderá perecer macular-se ou perder o seu valor. . I Pedro 1:3-4.

O primeiro passo foi à regeneração pela qual passamos pela misericórdia de Deus; que através da morte de Jesus e pela sua ressureição, trouxe para os que o aceitaram a condição de serem participantes com Ele da vida eterna. Está é a maior herança e pela qual temos que firmar nossa esperança.

Após sermos vivificados pelo Sangue de Jesus é necessário alimentar a nossa esperança da certeza daquilo que não vemos pela Fé em Jesus. Herança guardada nos céus para vocês que, mediante a fé, são protegidos pelo poder de Deus até chegar à salvação prestes a ser revelada no último tempo. I Pedro 1:5

Entendo por esta mesma fé, que todas as dificuldades a que venhamos passar, as perseguições que possamos sofrer não será suficiente e tão pouco é maior, do que a nossa fé no nome de Jesus. Nisso vocês exultam, ainda que agora, por um pouco de tempo, devam ser entristecidos por todo tipo de provação. I Pedro 1:6.

Eu fico imaginando a alegria e o conforto que estas palavras geraram nos corações dos nossos primeiros irmãos em Cristo ao saberem que até Pedro, que havia andado com o Nosso Senhor padecia das mesmas dificuldades e não havia se abatido por elas ainda. Tomar conhecimento que por essas mesmas dificuldades fazem com que possamos experimentar como mais fé o quanto é importante à verdadeira e permanente fé em Jesus. Assim acontece para que fique comprovado que a fé que vocês têm, muito mais valiosa do que o ouro que perece, mesmo que refinado pelo fogo, é genuína e resultará em louvor, glória e honra, quando Jesus Cristo for revelado. I Pedro 1:7.

Fé! A fé foi, é e sempre será a motivação daqueles que creem em Jesus Cristo.

Não importa o que se diga, não interessa o que pensem de nós, nada poderá abalar a fé de um verdadeiro cristão. Quando digo verdadeiro, não estou pré-julgando que a fé dos outros seja mentirosa, apenas estou aludindo a uma condição que independente do que se diga o que faz é  que determina se sua fé é por Jesus Cristo, ou não?

O versículo 8 abaixo exprime uma afirmação de Pedro, porém eu o aplicaria agora, como uma indagação? Será que esta é verdadeiramente a sua razão de fé? Crer mesmo que Jesus morreu na Cruz por mim e por você? Qual seria agora sua resposta diante dos seus amigos na faculdade? Dos seus parentes que não professam a sua fé? E diante do seu patrão? Qual seria a sua resposta? Este mesmo Pedro que agora orienta-nos como discípulos, se não fosse pelo imenso amor pelo qual Jesus o amou, seria hoje conhecido apenas como o discípulo que negou conhecer Jesus, por nada menos do que 03 vezes. "E, virando-se o Senhor, olhou para Pedro, e Pedro lembrou-se da palavra do Senhor, como lhe havia dito: Antes que o galo cante hoje, me negarás três vezes." Lucas 22 : 61.

Meus queridos (as) confesso que as lagrimas vem aos meus olhos só de imaginar o sofrimento de Pedro ao vê nos olhos do Nosso Senhor todo o amor, que mesmo assim, negando-o continuava a ter por ele. Entendem porque não dá para apenas dizer que se tem fé em Jesus ou em Deus, é preciso ter a mesma fé que Jesus continuou a ter em Pedro mesmo vendo e ouvindo quando ele o negava, uma fé que independe do que se vê ou não! Mesmo não o tendo visto, vocês o amam; e apesar de não o verem agora, creem nele e exultam com alegria indizível e gloriosa, I Pedro 1:8.

Somente e unicamente por está condição de fé inquestionável e irredutível alcançaremos por fim a Salvação. Pois vocês estão alcançando o alvo da sua fé, a salvação das suas almas. I Pedro 1:9.

Não podemos limitar a nossa caminhada com Jesus, ao primeiro passo que damos por aceita-lo, haverá ainda uma longa caminhada, que sem a ajuda de homens como Pedro, que após entender o proposito da morte do Cristo, tornou-se apto a nos orientar e de profetas que profetizaram sobre este mesmo Jesus, quando ele nem havia nascido, e que ficasse registrado para toda a humanidade de onde viria a Salvação dos homens.

Foi a respeito dessa salvação que os profetas que falaram da graça destinada a vocês investigaram e examinaram, procurando saber o tempo e as circunstâncias para os quais apontava o Espírito de Cristo que neles estava, quando lhes predisse os sofrimentos de Cristo e as glórias que se seguiriam àqueles sofrimentos.

A eles foi revelado que estavam ministrando, não para si próprios, mas para vocês, quando falaram das coisas que agora lhes foram anunciadas por meio daqueles que lhes pregaram o evangelho pelo Espírito Santo enviado do céu; coisas que até os anjos anseiam observar. I Pedro 1:10-12.

A vigília que participei entre as 22hs da ultima sexta-feira até as 6:00hs do Sábado não se tratou de uma reunião de amigos irmãos com o proposito de alcançar bênçãos, todos estávamos ali reunidos para aprender mais de Deus pelas escrituras, pelos exemplos de homens e mulheres que no passado viram e creram e ensinaram aos que não viriam a também crerem. E também aprender com os que hoje dão continuidade a está mesma missão, de levar a palavra de Deus e dar a conhecerem o Jesus Cristo que tanto amamos.

Mesmo que, por nós mesmo não sejamos capazes de sequer convence-lo nem de que pau é pau e pedra é pedra. Mais uma coisa devem saber e devo dizê-los. Que Jesus espera que em nós, seja cumprido o Ide.

"Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;" Mateus 28 : 19.

"E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregue o evangelho a toda criatura." Marcos 16 : 15.

Nada mais há que devamos apreender para  falar da nossa Esperança na Salvação, que não esteja na palavra de Deus interessa para um verdadeiro cristão.

E pelo e no nome de Jesus devemos pregar até que pelo repouso eterno não possamos mais. "E, respondendo ele, disse-lhes: Digo-vos que, se estes se calarem, as próprias pedras clamarão." Lucas 19:40.

Graças e honras sejam dada a Deus pelo seu Amado Filho Jesus Cristo o Nosso Salvador.

Amém.

AA Vivo por Jesus -

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...