segunda-feira, 13 de junho de 2011

“E, tendo anunciado o evangelho naquela cidade e feito muitos discípulos, voltaram para Listra, e Icônio e Antioquia, confirmando os ânimos dos discípulos, exortando-os a permanecer na fé, pois que por muitas tribulações nos importa entrar no reino de Deus”. Atos 14:21-22

ia_joao3_30

Um grande erro que é cometido por muitos que se candidatam a cidadãos do Reino de Deus é achar que uma vez que tenha aceitado a Jesus como seu Salvador, tudo será facilitado e o que era dificuldade deixará de existir, este tipo de pensamento tem crescido com muita intensidade entre as pessoas que houve pregações de homens destituídos da presença do Espírito Santo de Deus nas suas vidas e que utilizam passagens mescladas do Antigo e do Novo Testamento para tentar justificar a ideia do Super Crente um tipo de crente que só receberá benefícios pelo fato de se autodenominarem evangélicos.

Este engano não sobrevive a uma confrontação do obreiro mais simples de uma igreja que pregue a verdadeira palavra de Deus e seu principal proposito A Salvação! "Para dar ao seu povo conhecimento da salvação, Na remissão dos seus pecados;" Lucas 1:77.

Se observarmos a última parte do versículo titulo desta postagem verão que o que o Apostolo Paulo diz é exatamente o contrário das pregações de quem não tem comunhão com o motivo pelo qual Jesus morreu na Cruz por toda a humanidade que é a Salvação da Alma.

Quem utiliza as passagens do Antigo Testamento para elaboradas pregações que deixa os que não desejam aprender a verdade pela leitura da vontade de Deus expressa através de Jesus na Nova Aliança – O Novo Testamento; estão apenas trocando o lugar aonde praticavam todas as sortes coisas que pudessem garanti-lhes vantagens materiais e logo sairão falando mal como assim fizeram contra onde tenha vindo.

Um dos versículos chaves do Novo Testamento que exorta a importância da Salvação Eterna está em Mateus 6:19- 34. Antes, porém gostaria de chamar atenção para as observações que faço versículo por versículo na tentativa de ajuda-los a entender o que realmente faz sentido na vida mesmo que um pouco ou muito, que seja atribulada de um crente.

“Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam”. (Ora! Jesus não está dizendo que o que ganhamos do fruto do nosso trabalho seja ruim. Ele está ensinado o principio da vida sem excesso e mostrando uma verdade que acompanha o homem desde o principio que são as perdas pelo roubo.)

Mas acumulem para vocês tesouros no céu, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam nem furtam. (Ele ainda nos propõe com garantia de que se aplicarmos a maior parte dos nossos esforços para viver uma vida de proposito mais elevado e a Santidade teremos maior ganho na vida eterna ao seu lado.)

Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração. (Ele não obriga ninguém a segui-lo! Apenas nos alerta para o resultado da escolha.)

“Os olhos são a candeia do corpo”. Se os seus olhos forem bons, todo o seu corpo será cheio de luz. (idem em relação a escolha)

Mas se os seus olhos forem maus, todo o seu corpo será cheio de trevas. Portanto, se a luz que está dentro de você são trevas, que tremendas trevas são! (idem em relação a escolha)

“Ninguém pode servir a dois senhores; “Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará a um e amará o outro, ou se dedicará a um e desprezará o outro”. “Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro”. (Está é uma passagem também confundiu os discípulos que andavam com Jesus. Eles também não entenderam que Jesus se referia as pessoas que tem amor ao dinheiro e coloca a confiança da sua salvação nisso.)

“Portanto eu lhes digo: não se preocupem com suas próprias vidas, quanto ao que comer ou beber; nem com seus próprios corpos, quanto ao que vestir”.

Não é a vida mais importante do que a comida, e o corpo mais importante do que a roupa? Observem as aves do céu: não semeiam nem colhem nem armazenam em celeiros; contudo, o Pai celestial as alimenta.

Não têm vocês muito mais valor do que elas? Quem de vocês, por mais que se preocupe, pode acrescentar uma hora que seja à sua vida?

“Por que vocês se preocupam com roupas”? Vejam como crescem os lírios do campo. Eles não trabalham nem tecem. (Eu entendo que Jesus está justamente nos ensinando a viver uma vida mais proveitosa em todos os sentidos, pois cada vez que aprendemos a viver com o que temos e menos preocupados com o que queremos ter, estamos de fato dando mais valor a nossa Vida e realmente vivendo melhor.)

Contudo, eu lhes digo que nem Salomão, em todo o seu esplendor, vestiu-se como um deles.

(Salomão foi um dos Reis de Israel e na sua época o homem mais rico que existia e Jesus afirma que nenhum tecido feito por mãos humanas se assemelhava ao lírio uma erva criada por Deus, ou seja, Ele nos ensina que qualquer coisa vinda de Deus é infinitamente melhor.)

Se Deus veste assim a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada ao fogo, não vestirá muito mais a vocês, homens de pequena fé? Portanto, não se preocupem, dizendo: ‘Que vamos comer? ’ ou ‘que vamos beber? ’ ou ‘que vamos vestir? Pois os pagãos é que correm atrás dessas coisas; mas o Pai celestial sabe que vocês precisam delas. (Existe garantia mais confiável do que esta vinda de um Deus que penhorou a vida do seu Filho para nos garantir esta condição?) Busquem, pois, em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas lhes serão acrescentadas. (Que premio maior ainda poderíamos desejar neste mundo que possa comparar ao que nos espera no Reino de Deus para toda uma eternidade?)

Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. “Basta a cada dia o seu próprio mal”. (Quanto pagaria o mais rico dos homens hoje para evitar o desconhecido amanhã? Ou de que valeria todo seu dinheiro contra o câncer maligno? De que adiantaria toda sua segurança pessoal contra a traição de quem dorme ao seu lado? Poderia enumerar situações do cotidiano dos ricos e dos pobres sem fim que os igualariam de forma tal que você não conseguiriam sustentar todos esses argumentos de vantagens para quem deseja somente as coisas imediatas ainda neste mundo.)

E então? Seria o desejo de Deus? Ele enviaria seu Filho para morrer na Cruz para que vivêssemos uma vida miserável? Se for esta a ideia que passou na sua cabeça após a leitura acima? Se pensar assim; sinto disser que infelizmente você também não conseguiu entender motivo da morte de Jesus e certamente seria mais um que ouviria a proposta de seguir um pregador que lhe oferecesse alguma coisa aqui no mundo também!

Não há mesmo como desassociar uma vida de previsíveis  tribulações do crente fiel a palavra de Deus e aos ensinamentos de Jesus, contudo posso afirmar que também nada se compara a viver tendo Jesus como nosso amigo. "Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer." João 15 : 15.

Não há tesouro no mundo que se compare a presença de do Espirito de Deus através de Jesus na vida de uma pessoa, não existe tribulação com a qual não possamos passar. "Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo." João 16 : 33.

Esta passagem acima é outra que muitos não conseguem entender. Jesus está afirmando ter vencido o que paira no mundo e que nenhum rico ou poderoso ou ninguém consegue vencer: A Morte. 

Só Jesus conseguiu.

"E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno." Apocalipse 1 : 18.

Está é a maior recompensa do crente fiel a Jesus não veremos a morte mesmo que ainda mortos para o mundo ou pelo mundo. “Não se perturbe o coração de vocês”. Creiam em Deus; creiam também em mim.

Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar.

E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver. “Vocês conhecem o caminho para onde vou”.

Disse-lhe Tomé: "Senhor, não sabemos para onde vais; como então podemos saber o caminho? "

Respondeu Jesus: “Eu sou o caminho, a verdade e a vida”. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim. João 14:1-6.

Mais mesmo que ainda assim duvidem? Lamento! Mais é uma questão de escolha e principalmente de Fé em Deus, em Jesus e no Espírito Santo.

"Ora, o fim do mandamento é o amor de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida." I Timóteo 1: 5

Só Jesus Cura, Liberta e Salva.

Amém.

AA Vivo por Jesus -

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...