terça-feira, 12 de abril de 2011

Se há virtude! Que ocupe seu pensamento.

 

em obras

"Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento." Filipenses 4:8

Mais do que uma recomendação, este verso fala de uma necessidade que todo cristão tem, que é ocupar seus pensamentos somente com aquilo que glorifica ao Senhor. Não podemos impedir o inimigo de colocar pensamentos impróprios em nossa mente, mas podemos repreender e não deixar que ocupem lugar em nossa mente. O passarinho pode até pousar em nossa cabeça, mas não pode fazer ninho.

Hoje um colega de trabalho me perguntou se eu não bebia nem vinho? Eu respondi que não e que não sentia nenhuma falta ou necessidade de bebida alcoólica e ele por um conhecimento parcial de Jesus me questionou: mais Jesus não bebia vinho?

Expliquei que o vinho mencionado na Bíblia é o Mosto que é o caldo ou suco obtido das frutas, após serem espremidas, destinadas à elaboração dos diversos tipos de vinhos. Portanto não alcoólico e continuei a explica-lo que assim procedia não por proibição, mais exatamente pela liberdade que tenho após ter aceitado Jesus de não precisar de nenhuma forma de estimulante.

Antes de decidir qual o tema que iríamos abordar orei ao Espirito Santo e nem assim me dei conta deste dialogo, porém bastou atentar para o versículo acima para lembrar-me. Na verdade o versículo que usei para mostrar ao colega a razão da minha opção em não beber foi outro. "Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm; todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas edificam." I Coríntios 10 : 23.

Que, entretanto tem o mesmo sentido e verdade.

Agora começando a relatar este fato veio-me a lembrança das primeiras experiências que tive com o verdadeiro Deus da bíblia.

Me recordei da exata data que pela última vez coloquei uma gota de álcool na minha boca. Foi numa manhã do dia 22/06/2005* quando depois de recebido no trabalho um litro de licor de Jenipapo (fruta típica do Nordeste) e usada como ingrediente para preparo de licores nas festas Juninas, ao chegar em casa peguei um copo pequeno e coloquei aproximadamente 3 dedos do licor e ao prova-lo antes mesmo que tivesse sorvido me veio um pensamento; que com o tempo aprendi ser o Espirito Santo falando no coração e não na mente como pensei. E me questionei! Agora comtemplando o liquido no copo: porque que eu vou beber está cachaça? Eu nem gosto de cachaça! Realmente eu nunca gostei nem do cheiro da cachaça e bebia licor exatamente pelo fato da essência da fruta disfarçar o gosto e cheiro mais mesmo assim continuava sendo cachaça. Imediatamente joguei na pia da cozinha o que havia ficado no copo, arrolhei a garrafa e coloquei encima do armário da cozinha. E nunca mais nem a vi.

Nota: * Fui batizado nas águas em 21/08/2005.

Deste dia para cá nem imagino o porquê de algum dia ter precisado beber? Nenhuma das motivações que ouço e as inúmeras propagandas; que fazem desta droga licita uma coisa glamorosa e indispensável para a alegria em uma celebração ou nada do que ouço ou vejo é capaz de me explicar porquê.

Como apagar as estatísticas dos motivadores da violência que leva os que consome bebidas cometerem sandices no transito, no lar, nos estádios , na comunidade, na sociedade em todos os âmbitos na qual a bebida alcoólica nas suas variadas formar estejam inseridas.

"O VINHO é escarnecedor, a bebida forte alvoroçadora; e todo aquele que neles errar nunca será sábio." Provérbios 20: 1.

Vemos neste versículo de Provérbios quando somente o vinho na sua forma alcoólica era a bebida comumente usada já tinha como  alerta a consequência do seu consumo o escarnecimento que significa levar uma pessoa ao Desprezo; ridicularizar; desdenhar de outra atos associados a quem bebe e assim fazendo provoca invariavelmente atos de violências.

Transporte este escarnecimento para os dias atuais onde a cada dia é lançada uma nova marca ou tipo de bebidas não somente fermentadas mais aumentada na sua potencialidade de embriagar na destilação dos alcaloides contidos.

E terá o somatório final nos números alarmantes de: Assassinatos; Adultérios; Traições; Separações; Pais que enterram seus filhos quando naturalmente deveria ser o contrario, jovens que matam pela ingestão excessiva de bebidas e como se não bastassem ainda misturam vários tipos para aumentarem a euforia provocada.

Quanto a mim. Há muito tempo que experimento a verdadeira alegria que é dada por Deus através do seu Santo Espirito. "E os discípulos estavam cheios de alegria e do Espírito Santo." (Atos 13 : 52)

Alegrem-se sempre no Senhor. Novamente direi: alegrem-se! Filipenses 4:4.

Com Jesus até uma pequena provação é certeza de alegria. "Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós." Mateus 5 : 12

Posso dizer que para mim foi muito natural não sentir mais a mínima vontade de ingerir bebidas alcoólicas seja ela qual fosse. Foi como se meu corpo, alma e espirito estivesse sendo totalmente restaurado  como de fato  diz as escrituras. "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." II Coríntios 5 : 17.

Viver com Cristo é experimentar o que a palavra chama de Novidade de Vida "De sorte que fomos sepultados com ele pelo batismo na morte; para que, como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos, pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida." Romanos 6 : 4.

Diariamente vamos naturalmente deixando os velhos hábitos para trás e não me refiro somente a bebidas mais tudo que não edifica por mais que possa parecer como dizem “normal porque todos fazem” passa a não ter nenhum sentido.

Como o Apostolo Paulo escreveu:

"Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho." Filipenses 1 : 21.

Jesus passa ser o verdadeiro sentido de nossas vidas e ao tomamos consciência de que sem Ele nada somos capazes de fazer para resistir as tentações das coisas velhas buscamos sempre tê-lo em mente afim de que possamos reinsistir as ciladas do diabo: Finalmente, fortaleça-se no Senhor e no seu forte poder.

Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do diabo, pois a nossa luta não é contra pessoas, mas contra os poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais.

Por isso, vistam toda a armadura de Deus, para que possam resistir no dia mau e permanecer inabaláveis, depois de terem feito tudo.

Assim, mantenham-se firmes, cingindo-se com o cinto da verdade, vestindo a couraça da justiça e tendo os pés calçados com a prontidão do evangelho da paz.

Além disso, usem o escudo da fé, com o qual vocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno.

Usem o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus.

Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica; tendo isso em mente, estejam atentos e perseverem na oração por todos os santos. Efésios 10-18.

Assim fazendo amigos (as) verão que não há a necessidade de substancias ou bebidas para que sejamos verdadeiramente felizes.

"Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo." Romanos 14 : 17.

Que o Espirito Santo de Deus possa tocar muitos corações que ainda acham que necessitam de outras motivações.

Amém.

Vivo por Jesus

4 comentários:

  1. DISCORDO QUANDO AO VINHO, NÃO EXISTE BASE NEM BIBLICA NEM HISTORIA QUE CONFIRME A VERSÃO DE QUE O VINHO ERA SUCO DE UVA. O VINHO QUE JESUS BEBIA ERA FERMENTADO, A BIBLIA EM NENHUMA PARTE PROIBE BEBER VINHO, ELA APENAS FALA DO EXAGERO, DO EMBEBEDAR-SE. se O MOSTO NÃO EMBEBEDA-SE, EM ATOS AS PESSOAS NÃO DIRIAM QUE OS DISCIPULOS "ESTAVAM CHEIOS DE MOSTO" QUANDO DA DESCIDA DO ESPIRITO SANTO". INCLUSIVE JESUS ERA CRITICADO PELO FARISEUS POR BEBER VINHO, ELE MESMO DIZ: "VEIO JOÃO BATISTA QUE NAO BEBIA VINHO E NEM COMIA, E VCS DISSERAM Q ELE TINHA DEMONIOS, VEM O FILHO DO HOMEM, COME E BEBE E VCS DIZEM: EIS AI UM COMILÃO E UM BEBERRÃO". oU SEJA...O VINHO ERA VINHO E ERA FERMENTA E ERA ALCOOLICO.

    ResponderExcluir
  2. DISCORDO QUANTO AO VINHO, NÃO EXISTE BASE NEM BIBLICA NEM HISTORICA QUE CONFIRME A VERSÃO DE QUE O VINHO ERA SUCO DE UVA. O VINHO QUE JESUS BEBIA ERA FERMENTADO, A BIBLIA EM NENHUMA PARTE PROIBE BEBER VINHO, ELA APENAS FALA DO EXAGERO, DO EMBEBEDAR-SE. se O MOSTO NÃO EMBEBEDASSE, EM ATOS AS PESSOAS NÃO DIRIAM QUE OS DISCIPULOS "ESTAVAM CHEIOS DE MOSTO" QUANDO DA DESCIDA DO ESPIRITO SANTO". INCLUSIVE JESUS ERA CRITICADO PELO FARISEUS POR BEBER VINHO, ELE MESMO DIZ: "VEIO JOÃO BATISTA QUE NAO BEBIA VINHO E NEM COMIA, E VCS DISSERAM Q ELE TINHA DEMONIOS, VEM O FILHO DO HOMEM, COME E BEBE E VCS DIZEM: EIS AI UM COMILÃO E UM BEBERRÃO". oU SEJA...O VINHO ERA VINHO E ERA FERMENTA E ERA ALCOOLICO.
    Responder

    ResponderExcluir
  3. Caro Anônimo,já que assim prefere.

    Tendo em vista a complexidade da sua "discordância" sirvo-me de um estudo de um irmão em Cristo para ajudar-me a elucidar sob o ponto de vista de um Cristão seguidor de Cristo o porque de aceitar todas e qualquer orientação da palavra de Deus. Veja a publicação de hoje.
    Ainda mas, quando se trata de uma questão tão insignificante como a de beber ou não beber vinho ou qualquer outra bebida alcoolica. Contudo peço-lhe que tenha paciência de ler todo o texto, pois só assim compreenderá. Abraço Mário.

    ResponderExcluir
  4. Não vamos ser tão ignorantes e entender que o beber vinho não tem nada a ver com essa bebeção de tantas porcarias hoje em dia. Pegam a questão do vinha e usa para a libertinagem de todos os tipos de bebidas alcolicas

    ResponderExcluir

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...