quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Não deem chance ao diabo.

ia_efesios4_26-27

Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito. Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte. Romanos 8:1-2

É fato que Jesus mesmo quando ainda estávamos em pecado não nos condenava. E nos evangelhos isto fica evidenciando nas muitas passagens em que Jesus mostrava aos discípulos que foi justamente para salvar e não condenar que ele veio ao mundo. Pois no mundo já era e ainda é muito fácil para as pessoas condenarem uns aos outros. Não precisa nem uma pessoa ser considerada má para que seja capaz de fazer juízo e condenação de alguém e tão pouco que seja também justa. Pois conhecemos aquele que disse: "A mim pertence a vingança; eu retribuirei"; e outra vez: "O Senhor julgará o seu povo". Terrível coisa é cair nas mãos do Deus vivo!  Hebreu 10:31;31.

Tenho tido a oportunidade de sentir na pele o peso da condenação que vem de uma pessoa que se acha capaz de exercer juízo e o pior, que seja por simplesmente estar em desacordo com a maneira que penso, falo ou ajo e quero que entendam que não estou me referindo ao fato de pensar, falar ou agir contra ninguém. É pelo simples “achar-se” no direito de não gostar.

Quando me refiro ao peso da condenação eu entendo que foi com relação a esta motivação que faz com que uma pessoa seja levada a se desagradar de outra mesmo sem que haja um motivo relevante que Jesus deixou claro aos discípulos que não se preocupasse com estas condenações . Penso que Jesus para confortar os que lhes seguiam, que deixou claro para eles e agora para mim que não devemos sofrer por ser injustiçado e mesmo que possam achar que com a humilhação por palavras eu iria me abater. Prefiro responder como Jesus faria através da palavra de Deus.

Pois o maior exemplo de superioridade pela humilhação que se possa imaginar foi dado por Jesus: E, sendo encontrado em forma humana, humilhou-se a si mesmo e foi obediente até à morte, e morte de cruz! Filipenses 2:8.

Nenhuma forma de humilhação que eu possa ter passado, estar passando ou vim a passar! Poderá comparar-se ao do meu Senhor.

Porém o que me levou a postar sobre este tema é o fato da diferença que existe hoje na minha maneira de reagir em relação ao tempo passado, mesmo sem entrar em detalhes que de nada serviria é um testemunho do agir de Jesus na minha vida.

Pois no passado com certeza teria reagido movido pela ira. Motivação está que é explicitamente condenada por Jesus.  Quando vocês ficarem irados, não pequem". Apaziguem a sua ira antes que o sol se ponha, e não deem lugar ao diabo. Efésios 4:26;27. Está foi justamente a minha atitude e não foi preciso muito esforço, apesar de sentir o impacto não permitir que me abalasse, pois hoje entendo que cada vez que Deus quer me usar para falar ou abençoar alguém Satanás usará de tudo e a todos para tentar impedir-me.  Portanto, submetam-se a Deus. Resistam ao diabo, e ele fugirá de vocês. Tiago 4:7

Alguém pode então achar que é fraqueza e não vê nenhuma vantagem para que uma pessoa passe aceitar a humilhação de forma passiva eu porém vos digo que não há sentimento que se compare a ter o conforto de Jesus no coração:Deixo-lhes a paz; a minha paz lhes dou. Não a dou como o mundo a dá. Não se perturbem os seus corações, nem tenham medo. João 14:27.

E fica muito mais fácil entender o sentido deste versículo em toda sua plenitude: Por isso, por amor de Cristo, regozijo-me nas fraquezas, nos insultos, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias. Pois, quando sou fraco é que sou forte. II Coríntios 12:10

Vocês não fazem ideia do prazer interior que senti ao exercer o domínio próprio e não ser levado pela influência demoníaca que fatalmente estragaria meu dia e impediria que eu estivesse agora em Paz  cumprindo o meu proposito de postar diariamente a palavra de Deus.

Para que em nada fosse achado pecando contra o meu Deus. Sendo fiel a seus ensinamentos: Por isso não desanimamos. Embora exteriormente estejamos a desgastar-nos, interiormente estamos sendo renovados dia após dia, pois os nossos sofrimentos leves e momentâneos estão produzindo para nós uma glória eterna que pesa mais do que todos eles.

Assim, fixamos os olhos, não naquilo que se vê, mas no que não se vê, pois o que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno. II Coríntios  16:18.

Este é um dos muitos ensinamento de Jesus que deveria ser seguidos por todos e tenham certeza mesmo que este mundo não seja mais um paraíso! Seria muito melhor de viver.

Sempre dando Graças ao meu Deus e no nome de Jesus.

Amém.

Vivo por Jesus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...