domingo, 30 de janeiro de 2011

Qual seu interesse em servir a Cristo?

 

Bem aventurado

Se alguém ensina alguma doutrina diferente e não concorda com as verdadeiras palavras do nosso Senhor Jesus Cristo e com os ensinamentos da nossa devoção, essa pessoa está cheia de orgulho e não sabe nada. Discutir e brigar a respeito de palavras é como uma doença nessas pessoas. E daí vêm invejas, brigas, insultos, desconfianças maldosas e discussões sem fim, como costumam fazer as pessoas que perderam o juízo e não têm mais a verdade. Essa gente pensa que a devoção é um meio de enriquecer. ( I Timóteo 6:3-5)

Este pensamento que já era conhecido deste o tempo dos apóstolos e foi pouco a pouco introduzido na Igreja de Cristo, como uma ideia de  que através do serviço a Deus poderiam as pessoas serem ricas materialmente e claro que encaixou-se perfeitamente aos propósitos de muitos que desviando-se da verdadeira palavra de Jesus, começaram a oferecer está condição como forma de atrair seguidores.

Provavelmente as pessoas que pensam que poderão obter riquezas pelo fato de estarem servindo a Deus não estão espiritualmente preparadas para isto. Pois se assim estivessem atentariam para o que está também escrito.:

É claro que a devoção é uma fonte de muita riqueza, mas só para a pessoa que se contenta com o que tem.

O que foi que trouxemos para o mundo? Nada! E o que é que vamos levar do mundo? Nada!

Portanto, se temos comida e roupas, fiquemos contentes com isso.  (I Timóteo 6:7-8)

Eu particularmente não entendo este texto como uma apologia ao voto de  pobreza, como outros radicalmente entendem. Mais fica claro que não faz parte do proposito de servir a Deus almejar uma condição de prosperidade somente votada a ganhar ou aumentar bens materiais.

Eu posso falar com propriedade sobre o que é ter riquezas materiais e como não foi necessário para obte-las estar a serviço de Deus! Pois se fosse comparar a minha condição de riqueza pela ótica do materialismo, posso afirmar a qualquer um que não é preciso nem acreditar em Deus para isso. Estranham estar dizendo isso?  Não estranhem.

Foi o próprio Espirito Santo que logo no inicio da minha caminhada com Jesus, me deu a entender que não seria da mesma forma que era quando eu estava no mundo, eu agora estava sendo convidado a ser cidadão do Reino de Deus. E portanto deveria saber que no reino de Deus as riquezas da forma que conhecia e estava acostumado não teria grande importância.

Portanto, não fiquem preocupados, perguntando: “Onde é que vamos arranjar comida?” ou “Onde é que vamos arranjar bebida?” ou “Onde é que vamos arranjar roupas?”

Pois os pagãos é que estão sempre procurando essas coisas. O Pai de vocês, que está no céu, sabe que vocês precisam de tudo isso.

Portanto, ponham em primeiro lugar na sua vida o Reino de Deus e aquilo que Deus quer, e ele lhes dará todas essas coisas.

Por isso, não fiquem preocupados com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã trará as suas próprias preocupações. Para cada dia bastam as suas próprias dificuldades. (Mateus 6:31-34)

Ora! O que Jesus estava me oferecendo me pareceu muito justo, afinal Ele tinha morrido por mim quando eu nem o conhecia.: Mas a misericórdia de Deus é muito grande, e o seu amor por nós é tanto,

que, quando estávamos espiritualmente mortos por causa da nossa desobediência, ele nos trouxe para a vida que temos em união com Cristo. Pela graça de Deus vocês são salvos. (Efésios 2:4;5) –

Então porque não confiar na sua palavra? Eu garanto as vocês que nenhum centavo de todo dinheiro que já havia ganho e perdido, me faz falta ou teria condição de  proporcionar a Paz que tenho hoje. E mais! A certeza que excede a minha e a sua compreensão de que não preciso me afligir pelo que haverei de possuir para meu sustento.

Ponho em pratica a minha Fé para ter Paz e ponho as mãos no trabalho para ter como pagar minhas contas.

Creio que este é o principio correto que este texto de I Timóteo 6:7;8 ensina. O que fica mais evidente nos versículos seguintes; vemos que as muitas preocupações de como ganhar  dinheiro não permite que possam ter condição de serem cidadãos de um Reino cuja a constituição lhes garante que não é necessário.

Porém os que querem ficar ricos caem em pecado, ao serem tentados, e ficam presos na armadilha de muitos desejos tolos, que fazem mal e levam as pessoas a se afundarem na desgraça e na destruição.

Pois o amor ao dinheiro é uma fonte de todos os tipos de males. E algumas pessoas, por quererem tanto ter dinheiro, se desviaram da fé e encheram a sua vida de sofrimentos. (I Timóteo 6:9;10)

Vejam que o texto não está dizendo que o dinheiro por si só é ruim. O que fica bem claro; e  que realmente acontece é que quando as pessoas tem o amor e a sua dependência colocada no dinheiro, não tem como manter a sua fé de forma inabalável em Cristo.

Não é difícil encontrar muitos que se dizem fieis a Jesus, mais somente quando as condições estão favoráveis. Mais basta um pequeno obstáculo e a fé é substituída pela vontade de ter dinheiro para sair da situação e pular o obstáculo. Não vendo nisso a armadilha do diabo e a oportunidade de provar a sua fidelidade. : Ninguém pode servir a dois donos ao mesmo tempo, pois vai rejeitar um e preferir o outro; ou será fiel a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e também servir ao dinheiro. (Mateus 6:24)

Hoje vemos que muitos pensam serem mais capazes que outros e acham que poderão fazer as duas coisas e ainda assim não sucumbirem aos desejos que o muito possuir os levam a ter. Enganando a si mesmo, pois se isto fosse verdade Jesus não teria ensinado o contrario.

Claro que desde os tempos de Cristo houve ricos que se tornaram seus seguidores, mais os textos falam que para isso foi necessário que fizessem uma escolha: Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade.

Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores de impostos. 

Ele estava tentando ver quem era Jesus, mas não podia, por causa da multidão, pois Zaqueu era muito baixo.

Então correu adiante da multidão e subiu numa figueira brava para ver Jesus, que devia passar por ali.

Quando Jesus chegou àquele lugar, olhou para cima e disse a Zaqueu: - Zaqueu desça depressa, pois hoje preciso ficar na sua casa.

Zaqueu desceu depressa e o recebeu na sua casa, com muita alegria.

Todos os que viram isso começaram a resmungar: - Este homem foi se hospedar na casa de um pecador!

Zaqueu se levantou e disse ao Senhor: —Escute, Senhor, eu vou dar a metade dos meus bens aos pobres. E, se roubei alguém, vou devolver quatro vezes mais.

Então Jesus disse: —Hoje a salvação entrou nesta casa, pois este homem também é descendente de Abraão.

Porque o Filho do Homem veio buscar e salvar quem está perdido. (Lucas 19:1-10)

Acho que alguns irão lembra-se deste personagem, o Zaqueu é tema em uma canção do Regis Danese. O que não sabiam talvez,fosse a profundidade do efeito que Jesus causava e ainda causa nas pessoas que estão realmente dispostas a mudar sua vida. Ele não “fez voto de pobreza” ele disse que passaria a ser Piedoso e Justo o que mostra claramente que meu entendimento sobre as questões financeiras estão bem próxima da vontade de Deus e dos ensinamentos de Jesus.

Mais nem por isso fico pensando;  bem que Jesus poderia fazer com que eu ganhasse de novo na loteria (isso foi em 1981), pois agora eu ajudaria os pobres e coisa e tal. Como alguns pensam, eu poderia alegar que já estou livre da influência do Amor ao que o dinheiro pode proporcionar neste mundo cheio de armadilhas tentadoras. Ou não? Mais não me arrisco, eu peço sim; que Deus abençoe-me no meu trabalho e para que não me falte o necessário e em todas outras áreas da minha vida, tão ou mais importante do que somente a financeira. Na minha família, paz, saúde, no meu casamento, nas minhas amizades, no transito, nas ruas em todos os momentos. Em tudo deem Graças à Deus e iras bem.

Foi assim com Zaqueu, foi assim comigo. E poderá ser assim com qualquer um que esteja disposto a segui-lo.

Ouvi outro dia uma frase bem interessante na Radio Cristã Despertai que ouço diariamente na web. www.despertai.org

“Ser rico não é ter o máximo, ser rico é precisar do mínimo.”

Eu morri para as coisas vãs deste  mundo, mais nasci para Deus. E vivo buscando estar de acordo com  o fundamento de Cristo. Que é amar ao meu próximo como a mim mesmo.

Pois se por experimentar do amor de Cristo posso dizer que sou uma pessoa melhor. Nada mais precioso poderia desejar se não fosse que vocês também experimentassem.

— Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes dou a paz como o mundo a dá. Não fiquem aflitos, nem tenham medo. (João 14:27

 

Ouçam a Jesus e a mais nada. E serão verdadeiramente Salvos.

Amém.

Vivo por Jesus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Usem este espaço para testemunhar como este Blog mudou sua forma de relacionar-se com Jesus Cristo.

Deus está no controle!

Ainda que eu não te ouça, pois o mundo faz de tudo para te calar! (Trecho da Canção Mar de Vidro de Rodolfo Abrantes) Apesar das inúmeras v...